Como descartar eletrônicos obsoletos com segurança e responsabilidade?

O descarte incorreto de eletrônicos pode provocar danos ao meio ambiente e à saúde das pessoas. Confira onde e como descartá-los corretamente

Por Marina Pires Atualizado em 11 jun 2021, 20h51 - Publicado em 11 jun 2021, 15h00
lixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico
Reprodução/CASACOR

Você provavelmente deve ter fones de ouvidos quebrados, celulares velhos, parte de carregadores e pilhas que não funcionam mais em alguma gaveta de casa. Diferente dos outros resíduos que produzimos no dia a dia, não é correto nem seguro descartá-los da mesma maneira, já que os eletrônicos contam com materiais tóxicos que podem ser prejudiciais à saúde e extremamente agressivos ao meio-ambiente, comprometendo inclusive a qualidade da água em regiões próximas.

lixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico
Reprodução/CASACOR

Segundo o estudo Global e-Waste Monitor de 2017, realizado pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil é líder na produção de resíduo eletrônico na América Latina, gerando 1,5 milhão de toneladas ao ano desse tipo de resíduo. Segundo o levantamento, apenas 2% do total é reciclado.

Confira abaixo como descartar seu lixo eletrônico com segurança e responsabilidade. 

O que é considerado e-lixo ou lixo eletrônico?

ixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico
Divulgação UOL/CASACOR

Essa é uma dúvida muito comum: afinal, em meio a tantos aparelhos que usamos no cotidiano, o que pode ser considerado e-lixo ou lixo eletrônico? Para isso, são utilizadas quatro categorias para delimitar os tipos de lixo eletrônico, levando em conta as configurações de tamanho, manuseio e aplicação dos equipamentos diferentes. 

  1. Linha banca: geladeiras, freezers, máquinas de lavar, fogões, ar condicionados, microondas, etc.
  2. Linha azul: torradeiras, batedeiras, aspiradores de pó, ventiladores, mixers, secadores de cabelo, ferramentas elétricas, calculadoras, câmeras digitais, rádios, etc.
  3. Linha verde: computadores, tablets, notebooks, celulares, impressoras, monitores, fones de ouvido, entre outros.
  4. Linha marrom: aparelhos de som, TV, equipamentos de DVD/VHS, etc.

Separe o que será descartado

lixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico
Divulgação UOL/CASACOR

Algumas coisas precisam ser levadas em consideração ao separar os eletrônicos que serão descartados: não desmonte os eletroeletrônicos, eles devem estar inteiros para o descarte. Da mesma forma, se o aparelho tiver bateria de lítio, como em celulares e notebook, deixe-a dentro do produto. 

Para as pilhas comuns, basta descartá-las soltas ou em uma sacola em qualquer ponto de coleta de pilhas ou de eletrônicos, que também são equipados para recebê-las.

Continua após a publicidade

Siga o que o fabricante do produto recomenda

lixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico

A recomendação do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE) é que o consumidor procure sempre, em primeiro lugar, se informar a respeito das políticas de descarte que o próprio fabricante do produto recomenda. 

Marcas como Apple, Samsung, Motorola, LG, Sony, Acer, HP, entre outras, contam com um canal de descarte e urnas de coleta localizadas nas assistências técnicas autorizadas ou nas próprias lojas por todo o Brasil. 

Encontre o ponto de coleta mais próximo de você

lixo eletronico; descarte; pontos de coleta; pilha; celular; computador; onde descartar lixo eletronico
Reprodução/CASACOR

Hoje em dia, encontrar pontos de coleta para o descarte de eletrônicos é muito mais simples do que parece. Além de normalmente estarem localizados em comércios de rua e shoppings, é possível identificá-los através de sites especializados. Veja aqui onde está o ponto de coleta mais próximo de você.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade