Tecnologia ajuda na construção da estátua mais alta do mundo

Com o auxílio do software Tekla Structures, a conclusão foi mais rápida do que o previsto no prazo original

Por Yeska Coelho Atualizado em 17 mar 2021, 12h02 - Publicado em 17 mar 2021, 08h09

A tecnologia está se tornando uma verdadeira aliada para a construção civil e arquitetura na hora de criar projetos únicos e no menor tempo possível. Prova disso é o projeto da Estátua da Unidade, na Índia – mais especificamente localizada no distrito de Narmada, Gujarat, que foi finalizada com dois meses de antecedência do seu prazo original. 

Estátua da Unidade Índia
Divulgação/CASACOR

Para isso, os profissionais envolvidos na obra do monumento contaram com a participação da empresa de engenharia Trimble, que oferece um software voltado para construções: o Tekla Structures. Com a adesão da tecnologia, os profissionais tiveram um ganho de 25% em produtividade.

O monumento, que é dedicado a Sardar Vallabhbhai Patel, líder do movimento de independência da Índia, é o mais alto do mundo. Com 182 metros, ele consegue ser duas vezes mais alto do que a Estátua da Liberdade.

maior estatua do mundo
Michael Graves/CASACOR

A estátua foi finalizada após 33 meses de construção, o que tornou o projeto um dos mais rápidos a serem construídos.

“Estamos orgulhosos e honrados pelo Tekla Structures ter contribuído para essa construção bem sucedida e antes do prazo. É um projeto de prestígio e importância nacional histórica. Estamos confiantes de que a estátua inspirará mais construtores e empresas do setor a adotar ativamente essa tecnologia de construção moderna para um desenvolvimento mais rápido, seguro e eficiente de seus projetos”, afirma o diretor geral da Trimble Solutions, Paul Wallett.

O software atuou em duas frente para conseguir ganho em produtividade: tornar a comunicação entre os envolvidos mais fluida e utilizar o BIM 3D para integrar a estratégia. Dessa forma, os profissionais conseguiam ter uma noção ultrarrealista de quais seriam os próximos passos e evitando erros na construção.

maior estatua do mundo
Divulgação/CASACOR

O resultado do projeto foi um monumento capaz de suportar até 180 quilômetros por hora da velocidade do vento, e, sobreviver a terremotos de até 6,5 na escala Richter, a uma profundidade de 10 quilômetros em um raio de 12 quilômetros (já que a estátua está localizada em um local com incidência de terremotos).

Continua após a publicidade
Publicidade