Universidade de Miami inaugura novo prédio da Escola de Arquitetura

Assinado pelo escritório Arquitectonica, o prédio funciona como uma ferramenta de ensino, exemplificando os princípios da arquitetura moderna

Por Redação Atualizado em 17 fev 2020, 16h45 - Publicado em 4 dez 2018, 17h02
Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR

A Universidade de Miami acaba de ganhar um projeto novo e especial. Trata-se da nova Escola de Arquitetura, assinada pelo escritório Arquitectonica. O prédio foi batizado em homenagem à Thomas P. Murphy Senior, pai do fundador da Coastal Construction – a empresa que construiu o projeto. Com quase 1900 mil m², o grande destaque é sua enorme laje de concreto que, em uma curva, cobre o edifício.

Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR

Em essência, a escola é um galpão com teto abobadado suspenso a 5,5 m por colunas de aço delgadas e paredes fixas. Esse estilo foi escolhido para poder ilustrar aos alunos os princípios básicos da arquitetura moderna, com uso predominante de vidro e concreto. No interior, o lobby é dedicado à convivência estudantil: mesas e cadeiras ficam disponíveis e algumas cortinas são acrescentadas para áreas mais íntimas.

Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR

Para a área de estudos, foi construído um estúdio que pode acomodar várias configurações e tamanhos de mesa, algo muito necessário em um curso de arquitetura. Além disso, as paredes leste e oeste são revestidas de feltro, para que os alunos possam fixar seus projetos, enquanto uma nave possui pranchas móveis para exibições e resenhas.

Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR

A sustentabilidade e conforto ambiental também foram levadas em consideração no edifício Thomas P. Murphy. O telhado ondulado se debruça sobre o ponto mais ao Sul, fornecendo sombra e temperaturas agradáveis no interior sem comprometer a incidência de luz natural, dispensando o uso de iluminação artificial durante o dia.

Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR

Dadas as condições climáticas de Miami, a fachada de vidro da escola inclui painéis resistentes a furacões e o concreto garante durabilidade e segurança aos alunos.

Robin Hill/Reprodução Dezeen/CASACOR
Continua após a publicidade
Publicidade