Janelas CASACOR, edição Brasília, lança série de vídeos

Serão 14 capítulos, publicados no YouTube CASACOR e IGTV da CASACOR Brasília, sempre às 20h, a partir desta sexta-feira, 9 de outubro.

Por Redação - Atualizado em 16 out 2020, 19h35 - Publicado em 9 out 2020, 17h46
Divulgação/CASACOR

Acompanhe todos os capítulos do Janelas CASACOR no YouTube: https://www.youtube.com/c/CASACOROficial

A partir desta sexta, 09 de outubro, a CASACOR estreia em seu canal oficial no YouTube a exibição da série, de 14 capítulos, que mostram entrevistas com os arquitetos responsáveis por cada ambiente criado no Janelas CASACOR Brasília. Os capítulos inéditos serão publicados sempre às 20h.

Os três primeiros capítulos, estarão também no IGTV oficial da CASACOR Brasília, @casacor_brasilia, estrelados pelo Sainz Arquitetura, escritório responsável pela implementação do projeto no Distrito Federal; pela dupla Ney Lima e Walléria Teixeira, criadores do Box Gourmet São Geraldo e pela arquiteta Larissa Dias, criadora do Spa Deca.

Continua após a publicidade

Brasília é a primeira, de 11 cidades que recebem, até o dia 20 de dezembro, a exposição Janelas CASACOR, na qual vitrines espalhadas pelo Brasil materializam a casa pós-pandemia na visão do elenco de profissionais CASACOR. Esses arquitetos e designers de interiores têm como desafio refletir sobre o que mudou em nossas vidas e em nossos lares com o novo Coronavírus.

Com esse objetivo, surgiu o Janelas CASACOR, em formato phygital – junção de físico com digital – um projeto híbrido, que mantém em seu DNA o foco na experimentação e da vivência do público, mas que coloca como prioridade as medidas de segurança sanitária impostas pela pandemia do novo Coronavírus. A exibição, 100% gratuita, tem patrocínio nacional Deca e a Coral é a tinta oficial em todo o país.

Desde o dia 03 de outubro até 02 de novembro, quem quiser visitar o projeto no Distrito Federal, pode fazer a visita virtual pelo site janelascasacor.com ou conferir pessoalmente, com todas as medidas de segurança garantidas pela exposição que acontece no Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek.

No espaço a céu aberto de 2.800m² de exposição, são oferecidas diversas pias para lavar as mãos e totens de álcool em gel que podem ser encontrados durante todo o percurso. O uso de máscara é obrigatório, assim como o distanciamento social. O acesso à exposição é facilitado e o trajeto pode ser feito a pé, de carro, de ônibus, metrô ou mesmo de bicicleta, dentro do parque.

A instalação, que também celebra os 60 anos de Brasília, reúne projetos criados pelos 14 escritórios de arquitetura e design de interiores participantes. Na edição brasiliense, a casa é ressignificada. A morada pós-pandemia ganha nova função. O lar passa a ser multifuncional, um espaço para acolher, trabalhar, relaxar, viver e conviver.

Continua após a publicidade
Publicidade