Obra sustentável: como reduzir o uso de água na construção civil

Fernanda Iwasaka, analista de conteúdos e metodologias do Instituto Akatu, explica como otimizar o uso da água no canteiro de obras

Por Nádia Sayuri Kaku Atualizado em 10 jun 2021, 14h35 - Publicado em 11 jun 2021, 09h00
água mangueira jardim
Ryan McGuire/CASACOR

A água é um recurso essencial para a construção civil: seu uso abrange uma série de aplicações, como a supressão de poeira durante a fase de escavação, a compactação do solo, a preparação de argamassa, a mistura de concreto de cimento, a limpeza, o paisagismo… Além disso, há também as águas residuais, que muitas vezes precisam de tratamento antes de serem reutilizadas ou descartadas no ambiente natural, e a água que é empregada no processo de fabricação de vários materiais, como aço, tijolo, alumínio e vidro.

Com tantas aplicações, é preciso usar esse recurso de forma otimizada em canteiros de obras para evitar desperdício e também sempre optar por utilizar técnicas e materiais que minimizem os impactos nos recursos hídricos. Na entrevista abaixo, Fernanda Iwasaka, analista de conteúdos e metodologias do Instituto Akatu, orienta sobre as ações que podem ajudar a tornar a construção civil mais sustentável.

Durante a execução de uma obra, quais as orientações para reduzir o consumo de água?

É importante adotar medidas como a implementação de um sistema de gestão da água para monitorar o consumo nos canteiros de obras (sanitários, refeitórios e torneiras de lavagem para uso dos alojamentos) e instalar equipamentos hidráulicos adequados. Divulgar o consumo mensal para conscientização dos funcionários e utilizar fontes alternativas (como provenientes de drenagem de terreno, da chuva e subterrâneas) também auxiliam, desde que feito sob condições específicas para garantir segurança e saúde.

Como deixar uma obra mais sustentável?

Com o objetivo de minimizar os impactos da indústria da construção nos recursos hídricos é preciso considerar alternativas mais sustentáveis desde o início. Portanto, métodos e sistemas de construção devem estar bem alinhados com o uso eficaz dos recursos hídricos desde o planejamento do projeto.

Há vários recursos para a conservação de água, como dispositivos para economia de água, sistema de captação de água da chuva e instalação de um sistema de reutilização de águas para reduzir a necessidade de consumo de água potável. Além disso, deve-se considerar o uso de materiais com uma pegada hídrica menor.

O que se deve evitar?

Deve-se evitar todo e qualquer tipo de prática que resulte em algum tipo de desperdício de água como: não instalar nenhum sistema de captação e distribuição de água pluvial; utilizar água potável para atividades nas quais a água de reuso seria mais adequada; não monitorar ou divulgar dados do consumo de água na obra; e não buscar alternativas a materiais cuja pegada hídrica seja alta.

Lava-rodas e lava-bicas são essenciais em todas as obras?

Práticas como lava-rodas e lava-bicas podem ser realizadas com água não potável e evitam que os resíduos que se acumulam nas rodas dos caminhões presentes nos canteiros acabem dispersos nas ruas. Quando isso acontece, ao chover, esses resíduos acabam entupindo bocas de lobo, impedindo que a água escoe e gerando enchentes.

Como treinar a equipe de obras?

Ações de sensibilização e mobilização são essenciais para promover um consumo mais consciente de água em obras. A partir de palestras, oficinas e outros tipos de ações de comunicação, é possível compartilhar informações com os colaboradores para que tenham condições de contribuir com a sustentabilidade do projeto. Porém, é imprescindível que esses profissionais tenham apoio e condições para adotar tais práticas no ambiente de trabalho, assim como é interessante utilizar ferramentas para monitorar o consumo de água e assim obter resultados quantitativos das ações implementadas.

Além disso, podem ainda ser implantados canais de comunicação entre funcionários e gestores da obra para que possíveis desperdícios sejam notificados para possíveis correções. O Instituto Akatu é uma organização que, dentre outras atividades, auxilia empresas a implementar estratégias de sustentabilidade com foco nos temas materiais e no desenvolvimento de alternativas mais sustentáveis na cadeia produtiva.

Continua após a publicidade
Publicidade