Tempo e qualidade de vida inspiram jardim da CASACOR SP 2018

Renata Tilli, Vera Oliveira e Lucas Tell Push projetaram um jardim sustentável para abraçar a SysHaus de Arthur Casas

Por Fernanda Drumond - Atualizado em 18 fev 2020, 07h44 - Publicado em 27 jul 2018, 17h41
Divulgação/CASACOR

Inspirada no projeto da SysHaus – casa idealizada por Arthur Casas na CASACOR São Paulo 2018 – Renata Tilli, Vera Oliveira e Lucas Tell Push projetaram um jardim sustentável para abraçar a construção. Qualidade e Tempo foram os valores fundamentais levados em conta nesse projeto pragmático, que não abre mão da beleza.

Divulgação/CASACOR

Pensando na qualidade de vida, na pureza do ar e na sensação térmica e na praticidade, o trio optou por espécies que se adaptam ao clima de qualquer região e por um sistema de irrigação que não demanda tempo do morador para a manutenção do Jardim Tempo.

Divulgação/CASACOR

Capim e bambu foram adotados por terem um crescimento rápido com pouca manutenção. Pedras e areia foram selecionadas por serem igualmente descomplicadas. Um dos destaques é o telhado coberto por uma gramínea, uma espécie de trigo que garante um melhor controle térmico interno da casa e traz um ar belo e diferente à construção.

Divulgação/CASACOR

No lago, a filosofia da construção SysHaus foi aplicada, dispensando o concreto, sem desperdício e com tratamento biológico

Divulgação/CASACOR

SERVIÇO CASACOR SÃO PAULO 2018

QUANDO?

De 22 de maio e 29 de julho

Terça a sábado, das 12h às 21h

Domingo, das 12h às 20h

ONDE?

Jockey Club de São Paulo – Avenida Lineu de Paula Machado, 875

Continua após a publicidade

QUANTO?

De terça a quinta-feira:

Ingresso inteiro: R$ 60

Meia entrada: R$ 30

De sexta a domingo e feriados: 

Ingresso inteiro: R$ 76

Meia entrada: R$ 38

Passaporte Único: R$ 180

Valet: R$ 35

Continua após a publicidade
Publicidade