Artboard Created with Sketch.

O MASP completa 50 anos! Veja uma breve história do museu

Com projeto arquitetônico de Lina Bo Bardi, o museu foi transferido para a Avenida Paulista 21 anos depois de sua inauguração

 (Reprodução/CASACOR)

Um dos maiores símbolos da arquitetura moderna, o Museu de Arte de São Paulo completa hoje 50 anos na avenida Paulista! Fundado em 1947 pelo empresário Assis Chateaubriand, foi o primeiro museu moderno do país. A convite de Chateaubriand, Pietro Maria Bardi foi escolhido para dirigir o MASP e Lina Bo Bardi para desenvolver os projetos arquitetônico e expográfico.

Construção do museu.

Construção do museu. (Divulgação/CASACOR)

Instalado originalmente na rua 7 de Abril, no centro da cidade, foi transferido para avenida paulista somente em 7 de novembro de 1968. Leveza, transparência e suspensão marcam o icônico projeto de Lina, guiada pelo uso de vidro e concreto na concepção do MASP, que se tornou um marco na história da arquitetura moderna.Os 74 metros do vão livre do MASP foram pensados como uma praça pública, que a população pudesse desfrutar.

MASP em construção.

MASP em construção. (Luiz Hossaka - Arquivo da Biblioteca e Centro de Documentação do MASP/CASACOR)

Na arte, o MASP assume o papel de questionar o tradicional modelo de museu europeu, retirando as obras das paredes e expondo-as em cavaletes de cristal, criados também por Lina, para expor a coleção no segundo andar. Essa forma de dispor as peças aproxima o visitante das exposições, permitindo que ele escolha o percurso entre elas e ainda possa ver o verso de cada uma.

MASP em construção.

MASP em construção. (Luiz Hossaka - Arquivo da Biblioteca e Centro de Documentação do MASP/CASACOR)

O espaço, que o museu ocupa atualmente, era um terreno do belvedere Trianon e um tradicional ponto de encontro da elite paulistana. Em 1951, foi demolido para dar lugar a um pavilhão, que abrigou a primeira Bienal Internacional de São Paulo.

Tomie Ohtake cumprimentando a rainha Elizabeth II, na Inauguração do Museu. Ao fundo, a obra Composição em amarelo, de Tomie.

Tomie Ohtake cumprimentando a rainha Elizabeth II, na Inauguração do Museu. Ao fundo, a obra Composição em amarelo, de Tomie. (Luiz Hossaka - Arquivo da Biblioteca e Centro de Documentação do MASP/CASACOR)

A obra do MASP levou 10 anos para ser concluída e finalmente, em 7 de novembro, a nova sede foi inaugurada com a presença do príncipe Filipe e da Rainha Elizabeth II, responsável pelo discurso de inauguração. 

Vista externa do museu, na década de 70, antes das colunas serem pintadas.

Vista externa do museu, na década de 70, antes das colunas serem pintadas. (Divulgação/CASACOR)

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.