Artboard Created with Sketch.
Ao vivoLoft de Olegário de Sá e estúdio de 29 m² no TV CASACOR

A vontade de não querer mais sair de casa; é esta a sensação que a Cozy House, ambiente da CASACOR São Paulo 2019, provoca no visitante. Já no estúdio, desenvolvido pela designer de interiores Marcela Pepe, a mulher contemporânea é a grande inspiração.

MDW19: Louis Vuitton apresenta nova edição de Objets Nomades

A tradicional marca francesa de malletier Louis Vuitton, trouxe para o Palazzo Serbelloni, em Milão, as novidades de 2019 da coleção Objets Nomades

No centro o sofá Ribbon Dance de Andre Fu emoldurado pelas luminárias Bell de Barber & Osgerby

No centro o sofá Ribbon Dance de Andre Fu emoldurado pelas luminárias Bell de Barber & Osgerby (Louis Vutton/CASACOR)

A coleção de peças para a casa Objets Nomades, da Louis Vuitton, tem crescido ao longo dos anos e está de volta às glamourosas salas do Palazzo Serbelloni, em Milão. A marca de luxo francesa, que contava com os principais nomes do circuito do design, como irmãos Campana, Nendo, Patricia Urquiola, Marcel Wanders, Índia Mahdavi, Tokujin Yoshioka, entre outros, expande o leque ao convidar dois novos criativos italianos: Atelier Biagetti e Zanellato Bortotto. O Atelier Biagetti desenvolveu a mesa Anemona, com tampo recoberto de couro natural e duo veneziano. Giorgia Zanellato e Daniele Bortotto estreiam com um biombo circular intitulado Mandala Screen, a peça composta de três partes modulares conectadas por uma sofisticada trama de tiras de couro.

As luminárias Venezia, inspiradas nas tradicionais lanternas venezianas

As luminárias Venezia, inspiradas nas tradicionais lanternas venezianas (Louis Vutton/CASACOR)

Entre as novidades, temos o sofá Bulbo dos irmãos Campana, que esse ano parece em novas cores e com apenas dois lugares, a mesa Serpentine do Atelier Oï e mais quatro novos objetos assinados por Marcel Wanders: a poltrona Diamond, o vaso Diamond Vase, de vidro Murano vermelho e, por último, uma das mais lindas peças da coleção, a luminária Venezia, inspirada nas tradicionais lanternas venezianas.

A mesa Anemona assinada pelo Atelier Biagetti

A mesa Anemona assinada pelo Atelier Biagetti (Louis Vutton/CASACOR)

E ainda, no pátio do Palácio Serbelloni, o pavilhão temporário de Shigeru Ban, feito com uma estrutura de tubos de papel reciclado. Inicialmente concebido como um escritório localizado no rooftop do Centro Pompidou, em Paris, hoje, passa a integrar uma das mais interessantes obras da Semana de Design de Milão, assinada pelo arquiteto japonês premiado com o Pritzker de 2014.

O pavilhão temporário de Shigeru Ban, feito com uma estrutura de tubos de papel reciclado

O pavilhão temporário de Shigeru Ban, feito com uma estrutura de tubos de papel reciclado (Divulgação/CASACOR)

Onde: Palazzo Serbelloni, Corso Venezia 16, Milão

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.