Winter House é uma residência virtual situada no metaverso

A residência virtual não é diferente das casas do mundo real: assim como elas, a Winter House foi feita para viver e mostrar o melhor de nós mesmos

Por Redação Atualizado em 8 fev 2022, 15h46 - Publicado em 8 fev 2022, 16h00
andres reisigner winter house metaverso
Reprodução/CASACOR

Projetada como um refúgio em uma floresta de neve, esta casa de dois andares é marcada por suas janelas de vidro que vão do chão ao teto. Além disso, uma característica a distingue de qualquer outra: a Winter House é uma residência virtual criada pelo artista digital Andrés Reisinger e pela arquiteta Alba de la Fuente que existe apenas no metaverso.

andres reisigner winter house metaverso

O design de interiores segue uma paleta de inverno cor-de-rosa. “Queríamos imaginar como é essa época do ano no metaverso, e então reunimos sentimentos aos quais associamos o inverno – principalmente a tranquilidade e o conforto – e os transportamos para essa realidade paralela”, disse Reisinger.

andres reisigner winter house metaverso
Reprodução/CASACOR

A residência virtual apresenta uma seleção de móveis minimalistas dispostos em salas de plano aberto que conversam com a arquitetura moderna. “Eu sempre empurro a realidade para um limite onde ela parece um pouco distorcida, mas não explicitamente – eu só quero adicionar um leve toque de estranheza, para perturbar os espectadores.”

Continua após a publicidade

andres reisigner winter house metaverso
Reprodução/CASACOR

Na sala de estar, uma lareira suspensa por uma clarabóia contrasta os sofás cor-de-rosa rebaixados e os pisos elegantes cinza-claros.

andres reisigner winter house metaverso
Reprodução/CASACOR

Projetar casas virtuais para o metaverso não é diferente das casas do mundo real, disse Reisinger. “É o mesmo que para o mundo físico: essas casas são projetadas para viver e usar como espaços com uma curadoria que fala sobre nós mesmos”, explicou ele.

Fonte: Dezeen

Continua após a publicidade

Publicidade