Loja da IKEA em Viena tem terraço verde e se volta para pedestres

Em paralelo com o conceito da marca, o design da Querkraft Architekten dispensa o estacionamento e conta com mais árvores que qualquer parque da região

Por Giovanna Jarandilha - Atualizado em 17 fev 2020, 16h27 - Publicado em 22 jan 2020, 18h01
Divulgação/CASACOR

A constante procura da IKEA por soluções que facilitem a compra de bens para casa a levou à construção de uma nova loja em Viena, mais verde que as de Nova York, Paris e Londres. Desenhado pela Querkraft Architekten, o projeto de sete andares e 21.600 m² de área total leva o conceito de mobilidade urbanos à outra potência, ao voltar o design para pedestres.

Localizada próxima à estação de trem Westbahnhof, a loja tem a cara da marca, conceituada em cima de uma proposta aberta e acessível. Para isso, o prédio foi concebido com um terraço verde e sem estacionamento, de forma a incentivar o convívio dentro e fora do prédio, além de facilitar o acesso através de transporte público e bicicletas.

Divulgação/CASACOR

Em nota, a marca afirmou que o conceito “leva em conta a mudança significativa nos hábitos de compras, assim como nas novas formas de mobilidade sem carro”.

Com espaços para aproveitar a gastronomia e passear, o prédio oferece mais verde que qualquer parque da região, com 160 árvores que têm influência sobre o microclima – uma solução para Viena que, assim como outras grandes metrópoles, sofre com os efeitos das ilhas de calor.

Divulgação/CASACOR

A previsão de entrega é apenas para 2021. O prédio foi projetado com estruturas reorganizáveis, caixas de vidro que permitem a expansão ou retração conforme a necessidade, tornando a configuração dos espaços não fixa.

Continua após a publicidade
Publicidade