Kengo Kuma cria centro comunitário com águas termais no Japão

O local, batizado de Yunoeki Oyu, é um centro comunitário, desenvolvido para ser uma atração e instalação turística

Por Alex Alcantara Atualizado em 17 fev 2020, 16h40 - Publicado em 7 mar 2019, 12h03
Reprodução/CASACOR

Vencedor de um concurso de design, promovido pela cidade japonesa de Kazuno, Kengo Kuma propôs uma estação rodoviária que é muito mais do que um ponto de partida e despedidas. O local, batizado de Yunoeki Oyu, é um centro comunitário, desenvolvido para ser uma atração e instalação turística.

Reprodução/CASACOR

Após três anos de construção, a estação foi erguida, em 2018, à beira da estrada, para se envolver com a paisagem natural. Uma das atrações orgânicas do projeto é a integração com as famosas fontes termais da região. A água naturalmente aquecida das nascentes é acessível para os passantes poderem molhar os pés, enquanto ficam acomodados em assentos.

Reprodução/CASACOR

Dentro do espaço, grandes anéis se destacam pela sua beleza e magnitude. Kengo usou métodos de flexão de madeira regional para criar os elementos laminados, que acabam se tornando esculturas ornamentais. Eles também funcionam como partições e prateleira, criando um espaço híbrido e mutável, que pode ser organizado de acordo com a necessidade.

Reprodução/CASACOR

O local serve como intercâmbio entre os habitantes locais e os visitantes, contendo também um mercado de alimentos, um palco para talks e palestras e uma área aberta de parque.

Reprodução/CASACOR
Continua após a publicidade
Publicidade