Continua após publicidade

Projetos vencedores do 23º Concurso Estudos Deca são premiados em festa

O prêmio reconhece os melhores projetos de estudantes de arquitetura e design de interiores

Por Redação
Atualizado em 17 fev 2020, 16h45 - Publicado em 26 nov 2018, 14h34
Finalistas e jurados do Concurso Estudos Deca (Rafael Renzo/CASACOR)

No dia 22 de novembro, a Deca anunciou os vencedores do 23º Concurso Estudos Deca. O prêmio reconhece os melhores projetos de estudantes de arquitetura e design de interiores.

João Felipe Falqueto, Simone Camelier, Amanda Gomes e Leonardo Zanatta (Rafael Renzo/CASACOR)

A premiação selecionou 12 estudantes nas categorias Design de Interiores – Banheiro de Espaço de Co-working e Banheiro de Casal – e Arquitetura – Banheiro de Museu No-Gender (unissex) e Banheiro como Equipamento Urbano em Áreas de Alto Fluxo.

Continua após a publicidade

Para avaliar os trabalhos e definir os grandes vencedores, o corpo de jurados contou com Cristina Bava, Fátima Barnabé, Flávio Butti, Antônio Ferreira Junior, Ana Maria Bogar e Mara Chap Chap.

Banheiro de Casal – Simone Camelier (Rafael Renzo/CASACOR)

 

Lívia Pedreira e Simone Camelier (Rafael Renzo/CASACOR)

Na categoria Design de Interiores, a vencedora do projeto Banheiro de Casal foi Simone Camelier, estudante de design de interiores da Universidade Cândido Mendes. Amanda Gomes, também estudante da Universidade Cândido Mendes, foi projetou o melhor Banheiro de Espaço de Co-working, com dois banheiros masculinos e dois femininos, trabalhando com muitas cores e grafite.

Banheiro de co-working – Amanda Gomes (Rafael Renzo/CASACOR)

 

Amanda Gomes e Cris Ferraz (Rafael Renzo/CASACOR)

Na categoria Arquitetura, com projeto de Banheiro em Áreas de AltoFluxo, quem se destacou foi Leonardo Zanatta. O estudante da Universidade de Passo Fundo projetou um banheiro pensado para o Parque da Redenção em Porto Alegre. Para isso, inspirou-se na linha de metal Twist da Deca, trazendo para o ambiente a personalidade da marca.

Continua após a publicidade
Banheiro em áreas de alto fluxo – Leonardo Zanatta (Rafael Renzo/CASACOR)

 

Leonardo Zanatta e João Armentano (Rafael Renzo/CASACOR)

Outro vencedor da categoria arquitetura foi João Felipe Falqueto, estudante do Centro Universitário Belas Artes SP, com o projeto de Banheiro de Museu No-Gender. Em seu trabalho, o estudante quis resgatar a arquitetura de Paulo Mendes da Rocha.

Banheiro de museu no-gender – João Felipe Falqueto (Rafael Renzo/CASACOR)

Todos os finalistas terão seus trabalhos expostos no Espaço de Design Deca, de 23 de novembro a 22 de dezembro de 2018, com horário de funcionamento das 9h às 19h de segunda a sexta e das 9h às 14h aos sábados. E os quatro finalistas do Grand Prix (primeiro colocado de cada tema), ganharam, além do prêmio, um MacBook e terão esses trabalhos divulgados no site e redes sociais da Deca.

Continua após a publicidade
Mara Chap Chap e João Felipe Falqueto (Rafael Renzo/CASACOR)

 

Continua após a publicidade
Publicidade