A única residência assinada por Zaha Hadid é uma casa-escultura

O projeto, batizado Capital Hill Residence, fica na floresta Barvikha, nos arredores de Moscou, na Rússia

Por Redação - 28 set 2020, 16h55
Reprodução/CASACOR

Faz quatro anos que a brilhante Zaha Hadid nos deixou prematuramente, porém suas impressionantes obras continuam a ser construídas pelo mundo. Uma das mais recentes delas é a Capital Hill Residence, seu único projeto residencial privado, erguida na Rússia. Diferentemente da maioria de suas estruturas, a Hill Residence não fica em um ambiente urbano, mas sim em uma densa floresta.

Vinda do espaço

Reprodução/CASACOR

No meio da floresta Barvikha – nos arredores de Moscou – uma construção neofuturista surge em meio às copas. Ainda que seja um local improvável para se morar, esse era o sonho do desenvolvedor imobiliário internacional Vladislav Doroni. A casa parece uma enorme nave espacial que aterrissou na Terra: são mais de 3 mil m² de área assentados em um terreno inclinado e coberto por vegetação.

Reprodução/CASACOR

O ponto mais alto da casa é o quarto. Doroni desejava poder ver acima das árvores da janela de seu dormitório, assim Zaha criou um cômodo elevado, equilibrado em uma coluna estreita de 35 m de altura. Na parte inferior, existe uma piscina de 20 metros de comprimento, spa, academia e um jardim japonês.

Uma escultura arquitetônica

Reprodução/CASACOR

Seguindo o estilo característico da arquiteta, a Capital Hill Residence é um monumento em 360 graus, cada ângulo da construção é aproveitado. Haddid explorou a corrente desconstrutivista da arquitetura,  estudando as assimetrias e a decomposição das formas. Assim, suas obras podem ser descobertas e apreciadas de formas diferentes, dependendo de onde se observa, como uma escultura.

Continua após a publicidade
Publicidade