Casa de praia incorpora frescor e leveza do mar Mediterrâneo na Espanha

A residência na ilha de Minorca assinada por Gabriel Montañés se abre para o cenário paradisíaco e permite que a natureza adentre seu interior

Por Giovanna Jarandilha Atualizado em 13 ago 2021, 15h41 - Publicado em 16 ago 2021, 11h00
casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

Neste grande terreno com um declive voltado para o lado sul, o arquiteto Gabriel Montañés desenhou a Casa M, na ilha de Minorca, na Espanha. A residência, que segue a costa litorânea paradisíaca, serve o propósito de não ser apenas uma casa de férias, mas uma residência permanente em lugar privilegiado, um verdadeiro oásis para desfrutar na companhia da família e de amigos.

casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

No projeto, o arquiteto procurou tirar o máximo de proveito da amplitude do terreno, a permitir que de qualquer parte da residência fosse possível apreciar as vistas do Mediterrâneo. Dessa forma, a residência funde-se à paisagem, abrindo-se em uma varanda espaçosa que, por sua vez, está apenas a alguns metros do mar.

casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

Para isso, foi criado um amplo vão logo na entrada da residência, que oferece uma abertura generosa para o exterior. Portas de vidro foram instaladas para permitir que a iluminação natural adentre a decoração. Estas, deslizam e desaparecem atrás das paredes, fazendo com que a própria casa fique em segundo plano e, em um primeiro momento, a vista seja ainda mais apreciada.

casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

Um pátio central conecta todos os quartos da residência, permitindo que a brisa natural circule sem impedimentos e refrescando toda a área interior da casa. Neste pátio, está localizada uma grande piscina, criando uma deliciosa área de lazer para toda a família aproveitar.

casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

As aberturas, as venezianas, a pérgula e o pátio foram todos planejados de forma a garantir o máximo de conforto térmico, dependendo da hora do dia e do clima ao longo do ano. Além disso, conforme a incidência solar, os brises criam um bonito sombreado sobre a varanda, que deixam o décor ainda mais aconchegante.

casa minorca espanha gabriel montanes foto adria goula
Adrià Goula/CASACOR

A casa foi construída de forma a fluir perfeitamente por toda sua extensão, quase sem realizar alterações no terreno. Vidro, madeira, gesso branco e tons de ocre realçam a essência da propriedade com elegância e frescor. Veja mais fotos da Casa M de Gabriel Montañés na galeria:

Continua após a publicidade
Publicidade