Artboard Created with Sketch.

Saiba por que esse jovem designer bombou na internet!

Charles Richardd, de Recife, se formou em Design de Interiores com apenas 18 anos e pagou sua graduação trabalhando em uma rede de fast food. Confira a história dele!

Charles Richardd, designer de interiores, se formou pela Universidade Maurício de Nassau, em Recife com apenas 18 anos e bombou na internet na semana passada. O jovem profissional estava incomodado com alguns insultos que estavam circulando pela internet sobre pessoas que trabalhavam em restaurantes e redes de fast food. Com isso, o rapaz decidiu fazer uma declaração no Facebook que, além de uma simples postagem, foi uma crítica à sociedade. A publicação, com mais de 300 mil curtidas e 11 mil compartilhamentos, é uma foto de Charles utilizando o uniforme do seu serviço e uma mensagem sobre como o seu emprego o ajudou a pagar a faculdade. “Tem pessoas que adoram humilhar os que trabalham em comércio. Sempre chamam esses funcionários de burros ou sem estudos. Mas não é bem assim, se estamos ali é porque fomos capacitados, porque passamos por testes, entrevistas e treinamentos. No primeiro ano do curso, como era menor de idade, meu avô pagava as mensalidades. Após esse período e o ingresso no emprego, comecei a pagar a faculdade”, enfatiza Charles.

charles

 (/)

Confira um pouco mais sobre a história desse jovem designer no bate-papo que tivemos com ele:

  • Quando e onde você se formou em designer de interiores?

Em alguns lugares, os alunos considerados com um nível a mais de conhecimento recebem o direito de fazer uma prova e assim pular uma respectiva série. Foi isso o que aconteceu comigo na 2° série, pulei direto para a 3ª. Aos 16 anos, conclui o ensino médio e prestei vestibular em 2013. Em Janeiro de 2014, entrei no curso de Design de Interiores na Universidade Maurício de Nassau, em Recife e no mesmo ano completei 17 anos. Com isso, conclui o curso agora em dezembro de 2015 com 18 anos. Eu amei. Sempre tive a sorte de contar com meus professores para serem mais do que mestres, eles foram amigos que me guiaram durante toda esse tempo na vida minha acadêmica. Só tenho a agradecer por me fazerem me apaixonar mais ainda pela profissão.

  • Por que escolheu ser designer?

Desde criança sempre fui uma pessoa que adorava ficar no computador, apaixonado por artes, desenho, cores, tudo que envolvesse a criatividade. Foi no ensino médio que conheci a profissão de Design de Interiores. Me interessei muito pela ideia de planejar, tornar um ambiente funcional e agradável, de acordo com as necessidades do morador, além de me envolver em desafios e solucionar problemas insolúveis. Eu amo muito, é uma profissão que exige dedicação, esforço, criatividade, além de tornar você responsável pela realização de sonhos de muitas vidas.

  • Por que decidiu criar aquela mensagem no Facebook?

Já fazia algum tempo que eu ouvia algumas coisas ou lia na internet sob pessoas que humilhavam profissionais simplesmente por trabalharem em restaurantes. Contudo, eu sempre tive uma visão contrária a isso. Afinal, busquei o emprego para suprir necessidades da vida e futuramente realizá-las em prol de outras. Quem trabalha ou já trabalhou com o público sabe que tem uma minoria que sai de casa na intenção de perturbar a vida de quem esta trabalhando. Tem pessoas que adoram humilhar os que trabalham em comércio. Sempre chamam de burros ou sem estudos. Mas não é bem assim, se estamos ali é porque fomos capacitados, porque passamos por testes, entrevistas e treinamentos. Acredito que nós, que trabalhamos nesse ramo ou em qualquer outra área, merecemos ser respeitado. As pessoas deveriam pensar duas vezes antes de ofender e maltratar um trabalhador, seja na internet ou publicamente, independente de seu cargo, aparência, religião e etnia. Uma pena ver que coisas assim ainda acontecerem, lamentável! Não esperava que a postagem fosse repercutir tanto, foi mais um desabafo entre meus amigos no Facebook, quando menos esperei, já estava rodando pelo Brasil todo.Qual a mensagem que você passa para as pessoas depois desse ocorrido?Deixe que falem mal de vocês, as pessoas costumam criticar quem elas querem ser. Não permita, nunca, que nada nem ninguém atrapalhe a sua vida e o seu trabalho. E para as pessoas que tem vergonha do seu trabalho: não tenham! Todo trabalho é digno, seja ele qual for. Vergonha é fazer o que não presta e ficar em casa dependendo dos outros.

  • Quais são seus planos para o futuro?

Como recém-formado, pretendo continuar me especializando nas áreas de Design, fazer minha Pós Graduação, e principalmente, continuar buscando novos conhecimentos, me tornar um bom profissional e futuramente ter meu próprio negócio.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.