Profissionais premiados da CASA COR MG 2015 relatam suas experiências

O Prêmio da CASA COR Minas Gerais, em 2015, revelou grandes projetos dos estreantes na mostra. Confira o relato dos vencedores!

Por Alex Alcantara Atualizado em 3 mar 2017, 16h00 - Publicado em 4 ago 2016, 19h03

A CASA COR Minas Gerais promove, anualmente, um prêmio que seleciona em diversas categorias alguns ambientes da mostra. No ano passado, uma série de profissionais estreantes tiveram o prazer de serem premiados. Abaixo, você confere alguns relatos sobre como o evento e a premiação mudou e somou na carreira de cada profissional.

06-fernanda_junia_estar_intimo_circulaci-ai-o_crei-dito_jomar_braganci-a01

A dupla Júnia Braz e Fernanda Villefort foi responsável pelos espaços Estar Íntimo e Circulação na edição de 2015 e recebeu o prêmio na categoria Design de Interiores. Júnia destacou o retorno de marketing e networking alcançados ao participarem pela primeira vez do evento. “Você se torna um profissional mais cobiçado no mercado. Aos olhos do cliente, você está em um degrau acima”. 

36-closet_sarah_james_crei-dito_jomar_braganci-a

Outra estreante em 2015,  foi a arquiteta Sarah James, que comentou “foi a melhor coisa que poderia ter acontecido”. Criando uma versão contemporânea para o Closet, Sarah venceu o prêmio na categoria Design. “Ser protagonista da mostra é uma emoção e um desafio incrível. Não é fácil controlar a ansiedade e o medo quando se é marinheiro de primeira viagem. É uma espécie de efeito vitrine. É como se a gente recebesse um selo de qualificação profissional. E isso não tem preço”, relata.

20-cine_terraci-o_paulo_augusto_campos_crei-dito_jomar_braganci-a

O arquiteto Paulo Augusto Campos, que abriu escritório no ano passado, confessa que, em um primeiro momento, ficou relutante em aceitar o convite de Eduardo Faleiro (diretor da mostra). “Assinar um projeto sozinho, num evento desses, gera uma mistura de sensações. Havia o medo, mas, ao mesmo tempo, eu sabia que seria uma oportunidade superbacana, ainda mais que tinha acabado de abrir meu próprio escritório”. Paulo foi premiado na categoria Gentileza pela criação do Cine Terraço, espaço que abrigou o projeto “CASA COR e Conversa”.

Neste ano, a CASA COR Minas Gerais ocorrerá entre os dias 30 de agosto a 4 de outubro na Alameda das Latânias, 30 – São Luiz – Pampulha – Belo Horizonte.

Continua após a publicidade
Publicidade