CASA COR Minas 2015: Living celebra o jeito de morar mineiro

Inspirado na década de 50 -- em que as famílias se reuniam para conversar em frente à TV -- Melina Mundim projeta living que exprime o jeito mineiro de morar

Por Casa Cult Minas | Edição: Alex Alcantara Atualizado em 3 mar 2017, 16h08 - Publicado em 16 set 2015, 15h56
0-CASACORMINAS-LIVING

Se na década de 50 os familiares se reuniam na sala, após o jantar, para ouvir as notícias do dia em frente à televisão, hoje todos se reúnem com celulares e tablets nas mãos, porém preocupadas com situações futuras como uma reunião de trabalho na manhã seguinte ou em algum post de rede social. O corpo está ali, mas a cabeça não.

O ambiente de Melina Mundim, para a CASA COR Minas 2015, veio para quebrar esta atual lógica de convivência ao apresentar um espaço sem nenhum eletrônico e com uma grande diversidade de espaços de convivência. Um lugar capaz de reunir as pessoas em um mesmo local para vivenciar o presente e a presença do outro.

1-CASACORMINAS-LIVING

O Living possui vários espaços que são apropriados para ler um livro ao lado da lareira, escrever na escrivaninha lateral, cuidar das plantas do jardim vertical ou colocar a conversa em dia sentado no grande sofá. O ar rústico e aconchegante é construído por diversos elementos típicos brasileiros e até mineiros. Um perlongado de eucalipto forma toda a estrutura do ambiente, que possui paredes de gabião e piso e forro de madeira.

2-CASACORMINAS-LIVING

O clima brasileiro é representado também pelo jardim vertical de spatifillus, que faz referências às matas, e pelos objetos como o tapete de sisal e almofadas e pufes bordados. Além disso, todos os mobiliários são de profissionais nacionais, como as mesas de centro, feitas de tronco de madeira e o pendente de cristal feito de rocha.

Um dos destaques é a lareira a álcool. Apesar de usar ferro em sua construção, que é um material pesado, seu design consegue dar leveza no ambiente.

O Living também celebra a mineiridade. Sobre o sofá a fotografia de Belo Horizonte, de Rodrigo Tozzi, lembra as belezas da terra. E o bordado local da artista mineira Cyra Lobo remete ao artesanato sempre muito rico e alegre.

Continua após a publicidade
3-CASACORMINAS-LIVING

CASA COR Minas 2015

Quando: 30 de agosto a 6 de outubro.

Onde: Avenida das Latânias, número 30, Pampulha.

Horário: de terça a sexta-feira: 15h às 22h; sábados: 13h às 22h; domingos e feriados: 13h às 19h.

Ingresso: de terça a sexta-feira: R$ 40 a inteira e R$ 20 meia-entrada, sábados, domingos e feriado: R$ 50 a inteira e R$ 25 a meia-entrada.

Passaporte (válido para todos os dias da mostra): R$ 140, nominal e intransferível, mediante apresentação de documento de identidade. Passaporte estudantes (válido para todos os dias da mostra): R$ 70.

Special Sale: 5 e 6 de outubro

Continua após a publicidade
Publicidade