Museu do Ipiranga está com 50% das obras de reestruturação concluídas

A expectativa é que as obras sejam finalizadas em setembro de 2022 para a comemoração dos 200 anos da Independência do Brasil

Por Redação Atualizado em 18 Maio 2021, 10h06 - Publicado em 19 Maio 2021, 15h00
museu do Ipiranga; história; brasil; revitalização; restauração; 200 anos independência do brasil
Divulgação/CASACOR

O projeto de reestruturação metálica do Museu do Ipiranga alcançou a marca de 50% de obras concluídas neste mês de maio. Para a revitalização e ampliação segura de um dos patrimônios tombados mais importantes do Brasil, a nova estrutura, que já está 80% concluída, conta com cerca de 120 toneladas de aço.

museu do Ipiranga; história; brasil; revitalização; restauração; 200 anos independência do brasil
Divulgação/CASACOR

Assinado pela engenheira Heloisa Maringoni, da Companhia de Projetos, o projeto de revitalização do edifício monumental neo-renascentista, construído para celebrar a Independência do Brasil, foi desenvolvido com o objetivo de dar uma resposta objetiva, rápida e limpa, para não haver conflito com o delicado trabalho de restauro, que deveria acontecer simultaneamente às obras.

museu do Ipiranga; história; brasil; revitalização; restauração; 200 anos independência do brasil
Divulgação/CASACOR

“O sistema em aço foi escolhido porque o Museu, por ser um edifício tombado, tinha limitações quanto às dimensões de peças, detalhes de vinculação, poucos pontos possíveis de apoio e necessidade de prontidão na performance estrutural. Mas como diria o pintor suíço naturalizado alemão, Paul Klee, toda limitação é um apoio”, explica Heloisa.

museu do Ipiranga; história; brasil; revitalização; restauração; 200 anos independência do brasil
Divulgação/CASACOR

O processo de revitalização do museu está estimado em R$ 160 milhões. A expectativa é que as obras sejam finalizadas em setembro de 2022 para a comemoração dos 200 anos da Independência do Brasil.

museu do Ipiranga; história; brasil; revitalização; restauração; 200 anos independência do brasil
Divulgação/CASACOR

Com a revitalização, o museu terá uma nova área de 6.800 m² e, assim, a visitação pública na instituição será ampliada de forma significativa, podendo receber um público acima de 500.000 visitantes por ano.

 

Continua após a publicidade
Publicidade