5 motivos para visitar a CASACOR Brasília em 2021

A CASACOR Brasília segue aberta para visitação até 12 de dezembro, na 904 Sul, com 37 ambientes inspirados no tema "A Casa Original"

Por Redação 23 nov 2021, 10h22
CasaCam Arquitetura - Canto do Tempo e Alento. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
CasaCam Arquitetura – Canto do Tempo e Alento. Edgard César/CASACOR

De volta ao formato original, a CASACOR Brasília segue aberta para visitação do público até 12 de dezembro, na 904 Sul, local que recebeu duas edições anteriores – em 2010 e 2011. Em seu 29º ano, a mostra conta com 37 ambientes projetados por arquitetos, designers de interiores e paisagistas. No elenco, nomes consagrados e estreantes se unem para mostrar o que há de melhor na “Casa Original“, tema de 2021.

Se você ainda não visitou a mostra, confira cinco motivos para garantir sua presença!

1. Tema

 

CasaCam Arquitetura - Canto do Tempo e Alento. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
CasaCam Arquitetura – Canto do Tempo e Alento. Edgard Cesar/CASACOR

Neste ano, a CASACOR propõe um retorno às origens resgatando e se inspirando nas memórias afetivas em equilíbrio com o toque moderno. Os ambientes conseguem unir passado e futuro em propostas que refletem a necessidade de conforto, aconchego e funcionalidade nos lares.

O conceito se reflete em todos os projetos, mas se destaca ainda mais em ambientes como Canto do Tempo e do Alento, de Ângela Cambraia, da CasaCam Arquitetura. Com referências às origens cearenses, a arquiteta propõe uma releitura da “casa de avó” com móveis de brechó, objetos de família e uso de materiais que remetem ao passado, como madeira, tijolinho, ferro, palha, corda e pedra. A modernidade se apresenta na adega que abre o ambiente.

Ney Lima e Walléria Teixeira - Casa Duratex. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Ney Lima e Walléria Teixeira – Casa Duratex. Edgard Cesar/CASACOR

Os arquitetos Ney Lima e Walléria Teixeira, com mais de 18 participações na CASACOR Brasília, adornam a Casa Duratex com objetos pessoais e fotos tiradas do álbum de família. O espaço de 168m² remete ao aconchego do lar, com objetos rústicos, evidenciando texturas e materiais. Com muxarabis de madeira natural, o ambiente tem ventilação cruzada e conforto térmico, com revestimento de madeira 100% sustentável nas paredes e tetos. O design do mobiliário assinado é um dos pontos fortes, assim como as obras de arte com curadoria.

2. Tendências

 

Larissa Dias Arquitetura - Minha Casa. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Larissa Dias Arquitetura – Minha Casa. Edgard Cesar/CASACOR

Como já é tradição, a CASACOR Brasília adianta e revela tendências no cenário arquitetônico. Dessa vez, o destaque ficou por conta da utilização de materiais naturais, como pedras e madeira, presentes em grande parte dos ambientes, dando um toque especial aos projetos. É o caso do ambiente Minha Casa, da arquiteta Larissa Dias, que consegue contrastar elementos naturais e modernos num grande projeto, que abarca sala, banheiro, quarto e área de lazer.

3. Ambientes instagramáveis

 

Guel Arquitetos - Casa Cosmopolita. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Guel Arquitetos – Casa Cosmopolita. Edgard Cesar/CASACOR

O que não faltam na 29ª edição da CASACOR são ambientes feitos para o público interagir garantindo um belo clique. Quem entra no ambiente de Guilherme Bussamra e Elisa Fraga, da Guel Arquitetos, logo sente vontade de fotografar. Na entrada da Casa Cosmopolita, a dupla propõe uma viagem visual ao apostar numa bela e colorida iluminação.

Studio 2 - Espaço Tempo. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Studio 2 – Espaço Tempo. Edgard Cesar/CASACOR

Esculturas em neon são paradas obrigatórias do público no Espaço Tempo, projeto de 120 m² idealizado pelo arquiteto Alex Claver e pelo designer de interiores Wilker Medeiros do Studio 2, para incorporar a busca por um refúgio em meio ao tempo apressado. O ambiente é uma mescla de obras de arte, objetos garimpados e mobiliário de design nacional, com peças assinadas por artistas de renome.

Matheus Alves - Lavabo Sensações. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Matheus Alves – Lavabo Sensações. Edgard Cesar/CASACOR

Colorido também é o Lavabo Sensações, do estreante Matheus Alves. O ambiente tem feito sucesso nas redes sociais com cliques no Reservado Pop. Com tons de azul, amarelo, laranja e vermelho no porcelanato, piso, parede e teto contrastam com o vaso preto num convite para que o espectador faça um clique.

Studio Gontijo - Living Kit House & Tektons. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Studio Gontijo – Living Kit House & Tektons. Edgard Cesar/CASACOR

Os diversos balanços espalhados pelos projetos também têm a cara das fotografias do Instagram. No Living Kit House & Tektons, do Studio Gontijo, o artefato lúdico fica na área externa, dando a oportunidade de uma bela imagem ao ar livre com vegetação ao fundo e uma parede de taipa de pilão.

Deborah Pinheiro Arquitetura - Espaço DECA. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Deborah Pinheiro Arquitetura – Espaço DECA. Edgard Cesar/CASACOR

A piscina é o destaque do Espaço Deca, espaço criado pela arquiteta Deborah Pinheiro. O ambiente de 144m² se inspira na cobertura do Palácio do Itamaraty. O projeto é contemporâneo com referências modernistas, se utilizando de cores neutras, linhas elegantes, jardins e luz natural. A tradição de Athos Bulcão e Burle Marx aparece no painel em lastras de porcelanato.

4. Ambientes ao livre

 

Estúdio Juliane Vargas e Tainá Moi - Terraço Sunset Deck. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Estúdio Juliane Vargas e Tainá Moi – Terraço Sunset Deck. Haruo Mikami/CASACOR

A pandemia de COVID-19 trouxe a necessidade dos ambientes ao ar livre, que garantem encontros e reencontros mais seguros entre amigos e familiares. Por isso, a CASACOR Brasília apresenta projetos que refletem essa demanda do público.

Continua após a publicidade

A dupla Juliane Vargas e Tainá Moi trouxe a proposta no Terraço Sunset Deck, um ambiente feito para os encontros em espaços abertos. As arquitetas apostaram na referência náutica e no toque lúdico. No espaço, totem com diferentes espécies de madeira e balanços com estrutura em aço cortén, material que aparece nas mesas de centro e nas cadeiras.

David Nehring e Vanessa Von Glehn - Espaço Campeão. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
David Nehring e Vanessa Von Glehn – Espaço Campeão. Haruo Mikami/CASACOR

O paisagista David Nehring e a arquiteta Vanessa Von Glehn se uniram nesta edição para criar o jardim Espaço Campeão, projeto luminotécnico exclusivo e personalizado com fonte de água que se movimenta pelo volume da música.

Alessandra Moussa e Marcelo Netto - Fireplace. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Alessandra Moussa e Marcelo Netto – Fireplace. Haruo Mikami/CASACOR

Com ar de lounge, um convite ao bate-papo, o Fireplace da dupla formada por mãe e filho, Alessandra Moussa e Marcello Neto, tem mobiliário resistente às mudanças climáticas em corda náutica e tecido impermeável e lareira fogo de chão ecológica.

5. Gastronomia

 

Silvana Albuquerque e Luisa Albuquerque - Bäckerei Café. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Silvana Albuquerque e Luisa Albuquerque – Bäckerei Café. Haruo Mikami/CASACOR

Mais do que um espaço para se inspirar em projetos arquitetônicos, a CASACOR Brasília é um ponto de encontro. Os ambientes gastronômicos têm sido frequentados pelos visitantes que aproveitam as variadas opções após a visitação completa da mostra.

É possível petiscar, almoçar e tomar bons drinques na exposição. Quem preferir café, doces e pizza, pode aproveitar o ambiente projetado por Silvana e Luisa Albuquerque para o Backërei Café.

Flávia Nasr Arquitetura - Aroma CASACOR. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Flávia Nasr Arquitetura – Aroma CASACOR. Haruo Mikami/CASACOR

Para almoço e jantar, a pedida é o Aroma CASACOR, espaço criado por Flavia Nasr para o restaurante do chef Ronny Peterson. Se você prefere encerrar a visita em companhia de bebidas e comidinhas, deve visitar o Altas Gastrobar, com projeto do Studio Freijó.

Studio Freijó - Altas Gastrobar. Projeto da CASACOR Brasília 2021.
Studio Freijó – Altas Gastrobar. Edgard Cesar/CASACOR

A CASACOR Brasília está aberta para visitação até 12 de dezembro, com funcionamento de terça a sexta, das 15h às 22h, e sábados, domingos e feriados, das 12h às 22h. Os ingressos custam R$ 35 (meia-entrada) e R$ 70 (inteira). O Special Sale será nos dias 11 e 12.

Serviço CASACOR Brasília 2021

 

Local: 904 Sul

Período: 26 de outubro a 12 de dezembro de 2021

Horário: de terça a sexta das 15h às 22h. Sábados, domingos e feriados, das 12h às 22h

*com agendamento prévio para visita. Cada visitante tem 2h30 para conferir a mostra

Ingressos e agendamento de visitas: https://casacorbsb.byinti.com

Ingresso inteiro: R$ 70

Meia entrada: R$ 35

Passaporte: R$ 250 (vale para todos os dias da mostra)

(Desconto de 30% para clientes BRBCARD)

Compra de ingresso de meia-entrada:
– Idoso a partir de 60 anos
– Estudante apresentando o documento válido com foto ou recibo de pagamento
– PCD e seu acompanhante (conforme lei 12.933/13)
– Professor da rede pública e privada, apresentando o documento válido com foto
* Comprovação de meia-entrada será exigida na porta

Importante:
– Gratuidade de entrada para crianças com idade comprovada de até 12 anos
– 1 (um) CPF pode comprar no máximo 10 ingressos
– A partir de 5 ingressos, parcelamento em 2 vezes
– Venda Grupo: Compras acima de 10 ingressos ou por CNPJ, envie e-mail para ajuda@byinti.com

Continua após a publicidade

Publicidade