Incrível digitalização a laser revela a estrutura do Cristo Redentor

Mais de 180 milhões de pontos de dados foram capturados, produzindo um modelo digital do monumento que abraça a cidade do Rio de Janeiro

Por Redação 26 jan 2021, 19h22
Mais de 180 milhões de pontos de dados foram capturados, produzindo um modelo digital do monumento que abraça a cidade do Rio de Janeiro.
geoSLAM/CASACOR

Conhecido como uma das sete maravilhas do mundo moderno, o Cristo Redentor tem 30 metros de altura e mede cerca de 35 metros de largura. Graças a uma digitalização a laser gerada por especialistas em mapeamento geoespacial, pode-se ver a estrutura como nunca antes.

Mais de 180 milhões de pontos de dados foram capturados, produzindo um modelo digital do monumento que abraça a cidade do Rio de Janeiro.
geoSLAM/CASACOR

O geoSLAM foi convidado a criar réplica da estátua digital usando a tecnologia SLAM (localização e mapeamento simultâneos) e drones. A captura da imagem detalhada foi digitalizada em 45 minutos usando mais de 180 milhões de pontos de dados. O topo do morro corcovado, onde está o Cristo Redentor, foi fechado ao público enquanto todo o local era escaneado — por dentro e por fora.

Mais de 180 milhões de pontos de dados foram capturados, produzindo um modelo digital do monumento que abraça a cidade do Rio de Janeiro.
geoSLAM/CASACOR

Gabriel de Barros Praxedes, gerente de canal da América Latina do geoSLAM, navegou pelas escadas e passagens estreitas da estrutura do Cristo usando um scanner 3D portátil para capturar as imagens internas. O mesmo scanner a laser portátil foi posteriormente montado em um drone para capturar o exterior detalhado do monumento.

Mais de 180 milhões de pontos de dados foram capturados, produzindo um modelo digital do monumento que abraça a cidade do Rio de Janeiro.
geoSLAM/CASACOR

“Conseguimos capturar o Cristo sob uma luz totalmente nova, que quase ninguém teve o privilégio de ver. Esta é uma das estátuas mais reconhecidas do planeta e um símbolo de esperança para muitos brasileiros de perto e de longe”, completou.

Via Designboom

Continua após a publicidade
Publicidade