CASACOR Rio 30 anos: relembre as sedes e tendências da mostra carioca

A mostra que já teve 878 profissionais e 1.305 ambientes, comemora seus 30 anos recordando momentos marcantes.

Por Redação Atualizado em 12 jan 2021, 11h47 - Publicado em 7 dez 2020, 11h43
CASACOR Rio 2019- Gisele Taranto Arquitetura
André Nazareth/CASACOR

Desde 1991, a CASACOR Rio de Janeiro vem traduzindo o jeito carioca de morar em eventos que reúnem grandes profissionais da arquitetura, design de interiores e paisagismo. As portas são sempre abertas ao público em imóveis icônicos que são verdadeiras joias da arquitetura do Rio: palacetes- muitas vezes recuperados para abrigar a mostra-, casas urbanas, lançamentos imobiliários, hotel, casarões neoclássicos e até uma vila de casas geminadas – a Villa Aymoré.

Casa Modesto Leal, sede da CASACOR Rio em 2010
Kitty Paranaguá/CASACOR

“A CASACOR Rio foi a primeira franquia de eventos do país, num momento que o mercado de decoração era ainda muito incipiente. Com a CASACOR, ajudamos a construir a cultura do morar, que ainda não existia naquela época, e geramos impacto nas carreiras de muitos profissionais”, relembra Patrícia Mayer, que, ao lado de Patricia Quentel, está à frente da CASACOR Rio de Janeiro desde o primeiro evento.

Palacete Linneo de Paula Machado, sede da CASACOR Rio em 2011
Antonio Batalha/CASACOR

Nessas três décadas, a mostra teve 1.232 dias, foi visto por mais de um milhão de pessoas e teve a participação de 878 profissionais que decoraram 1.305 ambientes. As tendências apresentadas são incontáveis: do home-theater, com equipamentos que ocupavam espaços consideráveis do ambiente, ao controle completo da casa na palma da mão; da “invasão” dos móveis italianos – propiciada, à época, pela equiparação do real ao dólar – à merecida valorização do design nacional; do surgimento de materiais super tecnológicos, como corian ou silestone, à redescoberta e modernização de revestimentos antigos, como ladrilho hidráulico e pastilhas.

vista para Baía de Guanabara no CASACOR Rio 2019
André Nazareth/CASACOR

 As cozinhas se tornaram planejadas, depois se abriram para a sala conquistando o espaço nobre da casa e ganharam o título de gourmet, assim como muitas varandas. Os espaços diminuíram e viraram multifuncionais. O design ganhou importância, se popularizou e se tornou mais acessível.

Casarão no Jardim Botânico vai sediar a edição especial de 30 anos da CASACOR Rio.
André Nazareth/CASACOR

“A primeira coisa que pensamos todos os anos é: o que vamos fazer para surpreender? Sempre olhamos para a CASACOR como algo em movimento, um evento que não tem uma fórmula, e sempre soubemos abrir as portas para novas ideias e para trazer inovações”, avalia Patrícia Mayer.

Serviço CASACOR Rio de Janeiro

Quando?
02 de março a 25 de abril de 2021

Onde?
Instituto Brando Barbosa (IBB)
Rua Lopes Quintas, 497. Jardim Botânico

*datas sujeitas à alterações

Continua após a publicidade
Publicidade