Arte inclusiva encerra a CASACOR Rio Grande do Sul 2018

Com sucesso de público, a mostra gaúcha encerra a edição de 2018 com workshop de escultura para deficientes visuais e cegos, além de visitas guiadas

Por Ana Carolina Harada - Atualizado em 18 fev 2020, 07h42 - Publicado em 18 set 2018, 16h09
Divulgação/CASACOR

Após 54 dias de mostra, a CASACOR Rio Grande do Sul encerrou sua 27ª edição com eventos mais do que especiais. No dia 16 de setembro, foi feita uma visita guiada para deficientes visuais e cegos e eventos para arquitetos, decoradores e parceiros da marca. A mostra gaúcha recebeu 30 mil visitantes, um aumento de 10% em relação ao ano anterior.

Divulgação/CASACOR

Na data, foi ministrado um workshop de escultura com o apoio da ONVI Acessibilidade, uma empresa que produz audiodescrição e libras. No ambiente Estúdio de Arte, assinado pelo designer Johnny Thomsen e Smart Arquitetura, os participantes criaram suas próprias peças sob a orientação do artista plástico Ramon Alejandro Ruiz Velazco. A iniciativa faz parte do Projeto Casa Aberta, um dos destaques da edição. Além da oficina, o público pode conhecer todas as obras da exposição Arte Viva, com curadoria de Cézar Prestes.

Divulgação/CASACOR
Publicidade