Primeiro restaurante da Louis Vuitton no Japão destaca a tradição veleira

Com assinatura do escritório Jun Aoki Associates, a nova maison da Louis Vuitton reúne grandes nomes do design mundial

Por Redação 10 fev 2021, 15h53

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção

No último andar da nova loja da Louis Vuitton em Osaka, no Japão, está abrigada uma surpresa para os clientes que passarem por ali: os primeiros restaurante e café da marca, intitulados Le Café V e Sugalabo V. O projeto arquitetônico, que se distingue da paisagem urbana, leva assinatura do escritório Jun Aoki & Associates.

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção
Divulgação/CASACOR

Localizado em Osaka, conhecida por ser a “Cidade das Águas”, o projeto decidiu referenciar a tradição veleira local e instalou dez velas na fachada do edifício, criando um bonito efeito 3D, como se a construção se movimentasse ao sabor do vento.

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção
Divulgação/CASACOR

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção

O projeto de interiores também traz detalhes náuticos, para reverenciar a arquitetura do edifício como um todo. Tokujin Yoshioka assina a decoração dos ambientes. Yoshioka é conhecido por suas peças contemporâneas inspiradas na natureza – exatamente a proposta sugerida pela decoração do novo restaurante e café. Destaque para o mobiliário suspenso das poltronas Casulo, do Estudio Campana.

Continua após a publicidade
louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção
Divulgação/CASACOR

Numa tentativa de conectar interior e exterior, o restaurante se abre em um terraço ao ar livre, onde os visitantes podem que apreciar a vista da cidade de Osaka. No mobiliário, encontram-se peças de Paola Lenti, com tramas em turquesa que remetem ao mar.

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção

louis vuitton osaka japao restaurante arquitetura construção

No cardápio, estão as criações do premiado chef Yosuke Suga, cujo restaurante em Tóquio já foi eleito um dos melhores do mundo. Enquanto o café serve coquetéis no terraço aos clientes durante o dia, o restaurante será aberto apenas para o jantar. Tanto o restaurante quanto o café serão abertos oficialmente ao público no dia 15 de fevereiro.

 

Continua após a publicidade
Publicidade