CASA COR Minas 2016: 46 ambientes se unem à beleza da Pampulha

Do escandinavo ao art déco, o design é celebrado na 22ª edição da mostra, em um cenário privilegiado que é patrimônio da humanidade

Por Luciana Andrade Atualizado em 3 mar 2017, 16h10 - Publicado em 31 ago 2016, 19h46

Todos os olhares se voltam ao Conjunto Arquitetônico da Pampulha. Recentemente consagrado Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO, foi o lugar escolhido para celebrar a CASACOR Minas Gerais. A mostra chega revigorada em sua 22ª edição e tira partido do conjunto modernista assinado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, com paisagismo de Roberto Burle Marx.

Os profissionais reverenciam a construção de várias formas, assimilando o estilo e seus elementos nos projetos, assim como pedras, madeiras, ferro e outras matérias-primas locais. Em vários momentos é estabelecido um diálogo com as tendências do escandinavo, art déco e principalmente o industrial. Mas um dos grandes destaques, claro, é a vista da Lagoa da Pampulha, que inspira o uso de painéis de vidro e espaços abertos para transformar a paisagem em protagonista desta CASACOR Minas Gerais.

SERVIÇO CASACOR MINAS GERAIS 2016

QUANDO?

30 de agosto a 4 de outubro de 2016

Terça à sexta das 15h às 22h

Continua após a publicidade

Sábado das 13h às 22h

Domingo e feriados das 13h às 19h

ONDE?

Alameda das Latânias, 30, esquina de Av. Otacílio Negrão de Lima – Pampulha

QUANTO?

De R$40 à R$50

Continua após a publicidade
Publicidade