Artboard Created with Sketch.

Casa Cor Campinas: Invista no jardim vertical

Profissionais da 6ª Casa Cor Campinas dão dicas para se apostar em um jardim vertical, que além de ocupar pouco espaço, é aliado contra a dengue

2-casacorcampinas-jardimvertical

Quem é que nunca quis ter um jardim em casa, mas sempre se deparou com o problema de espaço e com a quantidade de cuidados que um jardim requer? A resposta pode ser bem simples: a verticalização desses cantinhos! Com ela, a possibilidade aumenta e fica bem mais fácil ter plantas dentro do lar, além, é claro, de ser uma alternativa muito explorada em mostras de decoração e design.

Na 6ª Casa Cor Campinas, ocorrida em 2014, o jardim vertical marcou presença em vários ambientes. Os profissionais que assinaram esses espaços, além de incentivar a prática, também ensinam os benefícios e as vantagens que aprenderam com os espaços verdes. “A proposta de jardins verticais muda os ambientes e quebra a monotonia dos revestimentos comuns, trazendo ao local bem estar e aconchego além de outros benefícios. Eles permitem que a natureza esteja em todos os lugares da casa e podem ser usados como elemento decorativo clean e elegante, propiciam uma ambientação natural e orgânica, melhoram a qualidade do ar e fornecem oxigênio, não ocupam espaço se fixados na parede, reduzem o estresse cotidiano, ajudam a manter um bom estado de saúde e propiciam harmonia e tranquilidade”, explica a arquiteta Inês Scisci, responsável pela Suíte Master da CASA COR CAMPINAS 2014.

Além de trazerem o bem estar ao morador, os jardins verticais também ajudam a evitar a proliferação do mosquito da dengue. De acordo com a designer de interiores e paisagista Solange Rubim, o sistema de abastecimento de água de um jardim vertical, além de ser pensado para regar e não ter desperdício de água, também é elaborado para não trazer riscos a pintura ou revestimento da parede. “Os modelos de painéis verticais, denominados quadros verdes, possuem um reservatório que armazena água e nutrientes. Dependendo das condições de temperatura, o sistema pode permanecer sem rega por até duas semanas. A água não escorre pelas paredes, o que permite a instalação em ambientes internos sem riscos para pintura ou revestimento. Os painéis são bem simples e fáceis de aplicar”, enfatiza.

Segundo as profissionais, as plantas mais comuns para aplicar nos jardins verticais são as samambaias, jiboias, véu de noiva, lanterna chinesa, aspargos pendentes, renda portuguesa, maranta variegata e milindre.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.