Continua após publicidade

Museu Nacional celebra 15 anos do Coletivo Coletores com exposição

Mostra está presente em Brasília e conta com mais de 250 obras que abordam as temáticas de resistência e apagamento de memórias

Por Redação
28 ago 2023, 20h00

Com recorde de visitação no Museu Nacional da República, em Brasília, a mostra “Signos de Resistência, Bordas da Memória”, assinada pelo Coletivo Coletores, segue aberta para visitação até o dia 10 de setembro.

Publicidade
Exposição Museu Nacional Brasília - Coletivo Coletores
(Divulgação/CASACOR)
Exposição Museu Nacional Brasília - Coletivo Coletores
(Divulgação/CASACOR)

Em apenas 26 dias, mais de 40 mil visitantes foram conferir a exposição que reúne uma seleção com mais de 250 obras, dentre elas 50 inéditas e outros trabalhos emblemáticos dos artistas, que quebraram barreiras e foram o primeiro coletivo a expor em um museu.

Publicidade
Exposição Museu Nacional Brasília - Coletivo Coletores
(Divulgação/CASACOR)
Exposição Museu Nacional Brasília - Coletivo Coletores
(Divulgação/CASACOR)

A mostra celebra os 15 anos do grupo, formado pela dupla de artistas Toni Baptiste e Flávio Camargo, e com curadoria e expografia assinada por Aline Ambrósio.

Publicidade
Publicidade
Pular para o conteúdo