Fazendinhando lança campanha em busca de apoio para intercâmbio

Do Colombo para a Colômbia: Fazendinhando busca apoio para intercâmbio de conhecimento e gestão de comunidades em Bogotá

Por Redação Atualizado em 2 jul 2021, 11h26 - Publicado em 2 jul 2021, 18h00
fazendinhando intercambio colombia
Kamilla Bianca/CASACOR

Uma comunidade vibrante e dinâmica, mas com diversas carências. Esse é o Jardim Colombo, na zona oeste de São Paulo, uma comunidade com cerca de 15 mil moradores gerida em um modelo horizontal e compartilhado que, com o apoio de entidades públicas e privadas, construiu um movimento de regeneração territorial com desenvolvimento cultural, educacional e social, feito por e para os moradores, o Fazendinhando.

Liderado por Ester Carro, arquiteta e urbanista social que, com apenas 26 anos, já muda a história da comunidade onde nasceu e vive. Agora, a comunidade busca apoio financeiro para ir a Bogotá, na Colômbia, para capitanear novos aprendizados no modelo de gestão de projetos sociais local para trazer ao Brasil. Ao lado de Ester, estão aprovados para o intercâmbio Erik Luan, estudante de Saúde Pública na Universidade de São Paulo, e Kamilla Bianca, videomaker e fotógrafa.

“Um dos objetivos é ampliar o networking, conhecer diferenças ações que existem dentro da América Latina neste âmbito e entender como as transformações acontecem por lá. Serão 45 dias de muito aprendizado”, explica Ester Carro.

fazendinhando intercambio colombia
Registro de ação no Fazendinhando, no Jardim Colombo, em São Paulo. Divulgação/CASACOR

A imersão se dará junto à ONG Fundação Fundación Jesús El Buen Pastor, uma organização social que orienta suas atividades no planejamento, gestão e execução de projetos sociais para crianças. Ao chegar em Bogotá, o desafio de Ester, Erik e Kamilla será estruturar um projeto para a comunidade em que a Fundação Fundación Jesús El Buen Pastor atua.

Como ajudar?

Estão inclusos hospedagem e uma refeição, mas ainda é pouco para que possam viabilizar a viagem. Passagem e custos para outras refeições diárias não estão inclusos. A estimativa de Erik Luan, Financeiro do Fazendinhando, é de que seja necessário arrecadar 30 mil reais para os 45 dias de viagem.

Continua após a publicidade

A captação de recursos inclui contrapartidas, como palestras e encontros de conhecimento no retorno, e a divulgação dos apoiadores nos canais de divulgação do Fazendinhando nos dias de viagem.

Tem interesse em apoiar a ação e ajudar o Fazendinhando? Acesse o link para fazer sua doação via PayPal: https://www.paypal.com/donate?hosted_button_id=SYPRG48VTUTRW

Sobre o Fazendinhando

O Fazendinhando surgiu no final de 2017 com a missão de transformar um lixão em parque, já que a comunidade não possui nenhuma área verde comum, dando início à construção do Parque Fazendinha. O parque, ainda em obras, já proporcionava uma área de área de convivência com atividades para os moradores. Com a chegada da pandemia, as obras e atividades tiveram que parar e o movimento deu início às ações de suporte às famílias em situação de vulnerabilidade. Foi também em meio a pandemia que novos projetos surgiram, como o Fazendeiras e o Fazendolar. O primeiro prepara as mulheres do Jardim Colombo para atuação na cozinha e na construção civil; já o segundo conecta estudantes de arquitetura, engenharia, design e áreas afins com o Jardim Colombo, integrando assim a cidade formal com a cidade informal.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade