Micro-jardinagem é tendência entre a Geração Y

Incluir micro jardins na decoração é um jeito de trazer a natureza para dentro dos lares. Conheça os benefícios e dicas!

Por Yeska Coelho Atualizado em 9 jun 2021, 16h06 - Publicado em 10 jun 2021, 15h00
home office casacor 2019 escritório cores
3P Studio apresentou, na CASACOR Florianópolis 2019, detalhes do projeto Cozy. Divulgação/CASACOR

A decoração de espaços pequenos é uma realidade nos dias de hoje. Cada vez mais, as pessoas optam por espaços intimistas, integrados e confortáveis para seus lares. Essa tendência também aparece refletida no paisagismo, com o aumento da procura por um tipo específico de plantas: as da “micro-jardinagem“.

Aliar a natureza ao design de interiores é algo fundamental. Além da estética atrativa de incluir plantas na decoração, elas trazem uma série de benefícios como purificação do ar, ajudam na criatividade e também trazem a sensação de relaxamento para o ambiente.

mini jardim wood mood
Jardim Minimal – Wood Mood Divulgação/CASACOR

Não há dúvidas de que estar em contato com um cantinho verde no lar é algo positivo, e a nova geração, conhecida como Millenials, já adotou isso pro dia a dia. De acordo com uma pesquisa recente feita pela agência internacional Nelly Rodi, 62% dos jovens da geração Y consideram que a presença de plantas no ambiente foi de suma importância durante os meses de isolamento social. 

A principal razão apresentada pelos entrevistados é que com o isolamento social, eles passaram a ficar mais tempo em casa, e as plantas viraram uma verdadeira companhia e uma forma de se reconectar com o espaço externo.

Como criar micro jardins para o meu projeto?

Existem diversas formas de incorporar pequenos adornos da natureza para dentro do lar de um jeito estratégico e que não sobrecarregue a decoração. A regra é simples: usar a criatividade para unir todo potencial estético somado ao bem-estar que as plantas proporcionam.

A seguir, separamos algumas formas de criar um “micro jardim” com pouco esforço. Confira!

Jardim suspenso

duas poltronas marrom em frente a uma parede texturizada com linhas brancas e pretas se encontrando como em um labirinto. À direita, uma parede verde escuro apoia uma prateleira em madeira clara e um quadro decorativo.
Projeto: Octavio Meireles e Choque Arquitetura e Design/CASACOR

Um jardim suspenso é uma forma de incluir plantas na decoração de um jeito estratégico que não ocupa tanto espaço e ainda traz uma atmosfera bastante moderna para o ambiente.

Vasos e arranjos

anna malta
André Nazareth/CASACOR
Continua após a publicidade

Distribuir vasos pelo ambiente é uma forma simples de conseguir criar pequenos jardins no interior do lar, sem ocupar espaço e de quebra ainda trazem um charme único ao décor.

Terrários

terrário mini jardim
Jardim SP Terrários/CASACOR

Investir em um terrário é uma forma de criar um ecossistema próprio para cultivar o seu mini jardim. Modelos despojados e super bonitos ainda contribuem para uma decoração mais autêntica e cheia de charme.

Horta na cozinha

Horta na cozinha
Casa Menir – Très Arquitetura. Fernanda Morais, Fernanda Tegacini e Nathalia Mouco (CASACOR São Paulo 2018). Divulgação/CASACOR

Um projeto de cozinha com horta para que os moradores consigam consumir os produtos naturais e de quebra ainda contribuir para melhor concentração e relaxamento é uma aposta certeira e diferente para criar um mini jardim em casa.

Cactos e suculentas

como cuidar de cactos em casa
Unsplash/CASACOR

Tanto os cactos como suculentas tem opções vendidas em pequenos tamanhos e que podem ficar em qualquer cantinho do seu lar, ou seja, não precisam de um cuidado tão grande em relação à iluminação ou água. Vale a dica de utilizar essas espécies para cultivar o seu mini jardim.

>> Dicas de como cultivar suculentas

>> Dicas de como cultivar cactos

 

Continua após a publicidade

Publicidade