Livro “Irmãos Campana 35 revoluções” é lançado online em dezembro

O exemplar apresenta a atual exposição da dupla no MAM Rio, junto de conteúdo extra, como entrevistas e comentários de jornalistas e academicos

Por Redação Atualizado em 4 dez 2020, 11h13 - Publicado em 4 dez 2020, 08h00
Imagem da exposição dos Irmãos Campana no MAM Rio
Bob Wolfenson/CASACOR

Dez anos após a última publicação, o Estúdio e Instituto Campana lançam o mais novo livro da dupla “Irmãos Campana: 35 revoluções” dia 09 de dezembro, às 17h, através de uma live com a participação de Alexandre Martins Fontes, co-fundador da publicação e distribuição casa Martins Fontes, no perfil do Estudio Campana no Instagram (@estudiocampana). 

Imagem da exposição dos Irmãos Campana no MAM Rio
Bob Wolfenson/CASACOR

O livro traz a exposição de mesmo nome no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM RIO), além de mais de cem imagens – entre fotos, esboços e ilustrações, incluindo uma ampla seleção de peças de design e esculturas desenvolvidas nos últimos anos. 

Imagem da capa do livro
Reprodução/CASACOR

Os textos foram estrategicamente distribuídos em capítulos espelhados nas seções temáticas da exposição: Amor, Pensamento, Sonhos, Tempo, Metamorfose e Segredos. Isso permite que o leitor realize um “tour visual” pelas obras da dupla, guiado pelos insights conceituados profissionais do meio artístico, jornalístico e acadêmico. Essa combinação de percepções cria uma espécie de esboço dos irmãos, que por sua vez, imerge o leitor em seu próprio universo por meio da entrevista concedida a Francesca Alfano Miglietti, curadora da “Irmãos Campana: 35 revoluções” do MAM RJ. 

Imagem da exposição dos Irmãos Campana no MAM Rio
Bob Wolfenson/CASACOR

Com perguntas que buscam contrapontos com referências em arte, design e outras expressões artísticas, a curadora consegue revelar elementos que unem e, ao mesmo tempo, separam os Irmãos Campana, mostrando a individualidade e a alquimia que cada um traz para uma das trajetórias dos mais bem-sucedidos do design brasileiro, que agora tem raízes definitivas no território da arte.

Retrato dos Irmãos Campana em poltrona
Bob Wolfenson/CASACOR

O livro não só comemora a longevidade da dupla, mas também convida curadores, jornalistas e artistas a contribuírem com ensaios e reflexões sobre a trajetória dos irmãos e seu papel no cenário mundial no campo do design e da arte contemporânea.

 

Continua após a publicidade
Publicidade