Cinema e empreendedorismo social é destaque na Arena CASACOR

No dia 4 de junho, a mostra recebeu a cineasta Mara Mourão que faz do cinema uma ferramenta de impacto social

Por Fernanda Drumond Atualizado em 17 fev 2020, 16h36 - Publicado em 10 jun 2019, 14h48
Cena do filme Quem se Importa
Cena do filme Quem se Importa Divulgação/CASACOR

Um dos destaques da CASACOR São Paulo 2019 tem sido a Arena CASACOR, um espaço para troca de conhecimento e curadoria de conteúdo.

Durante nove semanas, o evento irá receber uma seleção de profissionais para debater sobre temas como tendências do morar, afetividade, tecnologia, inovação e sustentabilidade. Durante as palestras, será discutida a necessidade de tecnologia e sustentabilidade andarem juntas, de forma a partir a transformação do planeta de dentro das nossas casas.

Mara Mourão Divulgação/CASACOR

No dia 4 de junho, a Arena recebeu a cineasta Mara Mourão. Diretora, roteirista e produtora de longas metragens, séries de TV e documentários, Mara Mourão faz do cinema uma ferramenta de impacto social. Entre seus últimos filmes estão “Doutores da Alegria” e “Quem se Importa”, tendo também roteirizado e produzido outros dois longa-metragens, entre eles “Avassaladoras”, e dirigido quatro séries de TV.

Cena do filme Quem se Importa Divulgação/CASACOR

O filme “Quem se Importa” acompanha a vida de 18 empreendedores sociais e seus projetos ao redor do mundo, e retrata como pequenas atitudes podem mudar a vida de uma ou mais pessoas.

“Quem se importa é o meu quarto longa metragem sendo que os dois primeiros filmes foram comédias. Um desses filmes, o Avassaladoras, foi um sucesso de bilheteria. E a reação do público era sempre muito boa mas ficava no “ri muito, me diverti muito”. Decidi fazer um documentário sobre o Doutores da Alegria e a resposta ao filme foi completamente diferente da que eu tinha com as comédias. As pessoas me diziam que o filme havia mudado suas vidas. Fiquei chocada com o impacto do filme. Ouvi relatos de professores dizendo que mudaram o jeito de ensinar e de jovens que decidiram dar outro rumo em suas carreiras. Foi então que resolvi fazer um filme na mesma linha, só que mais abrangente. O Quem Se Importa veio porque fiquei muito tocada com a reação do público e senti na pele o impacto social que um filme pode causar.”

Os empreendedores sociais retratados no documentário Quem se Importa Divulgação/CASACOR

O longa-metragem teve repercussão internacional e vem inspirando pessoas ao redor do mundo a tomarem consciência do seu próprio poder de transformação. O filme já recebeu vários prêmios e é exibido em empresas, escolas, conferências e ONGs com o objetivo de promover o engajamento social.

O sucesso do filme inspirou a cineasta a trabalhar o tema em sua própria vida. Mara Mourão já foi convidada a ministrar palestras em Harvard e outras grandes universidades e empresas ao redor do mundo. A diretora juntou-se com a organização Atados – uma plataforma social online que conecta pessoas à oportunidades de voluntariado em causas sociais – e criou um Programa de Educação em Empreendedorismo Social para jovens do Ensino Médio chamado Sementes da Transformação. O Programa é ministrado em escolas públicas e privadas, oficinas em
centros culturais e acampamentos.

Mara Mourão tratou de sua trajetória e das diversas maneiras de atuar socialmente na palestra, promovendo a ideia de que é possível viver um capitalismo mais consciente. O empreendedorismo social é uma forma de empreendedorismo que tem como objetivo principal produzir bens e serviços que beneficiem a sociedade local e global, com foco nos problemas sociais e na sociedade que os enfrenta de perto.

A palestra foi promovida pela parceira social da CASACOR São Paulo, a plataforma Transforma Brasil. A instituição não só promove o voluntariado, como também permite o encontro entre voluntários e ONGs.

Assista ao filme “Quem se importa”.

Confira a programação completa da Arena CASACOR.

SERVIÇO CASACOR SÃO PAULO 2019

QUANDO?

De 28 de maio a 04 de agosto
Terça a sábado: das 12h às 21h
Domingos e feriados: das 12h às 20h

Continua após a publicidade

ONDE?

Jockey Club de São Paulo – Avenida Lineu de Paula Machado, nº 1075 – Cidade Jardim

INGRESSOS:

De terça a quinta-feira:

Ingresso inteiro: R$ 64,00/ Meia entrada: R$32,00

De sexta a domingo e feriados:

Ingresso inteiro: R$ 80,00/ Meia entrada: R$40,00

Valet: R$ 40,00

Classificação: Livre

Gratuidade: Crianças até 10 anos

As vendas dos ingressos para São Paulo estão disponíveis no site: casacor.byinti.com

Continua após a publicidade
Publicidade