Casa de Câmara de Florianópolis é restaurada e vira Museu da Cidade

A Casa de Câmara e Cadeia de Florianópolis, uma construção do século dezoito, foi restaurada e irá abrigar o Museu da Cidade

Por Ana Carolina Harada Atualizado em 18 fev 2020, 07h42 - Publicado em 12 set 2018, 17h32
Divulgação/CASACOR

A Casa de Câmara e Cadeia de Florianópolis, uma construção bicentenária, acaba de ter seu restauro concluído. As obras foram realizadas pela Concrejato Engenharia, uma empresa especializada em recuperação de patrimônio arquitetônico. Agora, o casarão abrigará o novo Museu da Cidade, uma parceria entre a prefeitura e o Sesc SC.

Divulgação/CASACOR

Com 856 m² quadrados, a edificação começou a ser reformada em 2014. Cobertura, revestimentos internos e externos – feitos originalmente com óleo de baleia, areia e cal –, ornamentos e esquadrias foram totalmente restaurados. Além disso, estruturas de acessibilidade, segurança e climatização foram instaladas para que tanto os visitantes quanto as peças ficassem melhor acomodados.

Divulgação/CASACOR

A Casa de Câmara e Cadeia era a sede do poder municipal na então Vila de Nossa Senhora do Desterro, e foi um projeto do arquiteto Tomás Francisco da Costa, entregue no ano de 1780. Por causa do valor histórico, durante as obras, várias descobertas arqueológicas aconteceram. Os pesquisadores encontraram de pinturas decorativas até bocas de canhão.

 

Continua após a publicidade
Publicidade