A CASACOR SC é exemplo de sustentabilidade pelas cidades que passa!

A mostra catarinense privilegia obras limpas e mais secas em seus sistemas construtivos. Conheça as técnicas adotadas pelo evento!

Por Redação Atualizado em 17 fev 2020, 16h39 - Publicado em 25 mar 2019, 14h56
CASACOR Santa Catarina Florianópolis 2018: Viva Jardim por Cláudio Saladini e Letícia Vieira. Com o intuito de aproximar a natureza para os ambientes urbanos, foi projetado um jardim natural, com destaque para o lago ornamental constituído por peixes, plantas aquáticas e vegetações tropicais, com seus contrastes de cores e formas. A água do lago é reutilizada num sistema inteligente, controlado pelo celular. Lio Simas/CASACOR

Alinhada às boas práticas de uso e reuso da água, a CASACOR Santa Catarina tem avançado na montagem dos ambientes, no quesito sustentabilidade. A direção da franquia, guiada por Francis e Luiz Bernardo, propõe um manejo consciente dos recursos hídricos, começando pela escolha de sistemas construtivos mais secos e limpos, junto aos profissionais, como o Light Steel Frame e o drywall, tirando partido de muita madeira e vidro, em harmonia com os verdes abundantes dos morros catarinenses.

Ambientes em contêineres ou com estrutura de alumínio, aparecem em destaque nas mostras de Itapema e Florianópolis, em 2018. O critério é usar menos água na hora de construir e poupar a água potável destinada aos usuários do sistema. Segundo os franqueados, na maioria das obras, a água é usada apenas para a colocação dos pisos e revestimentos.

A proposta da franquia é deixar um legado por onde passa. “Nós podemos mostrar que estamos deixando as sedes por onde passamos, melhores do que eram antes. E ampliar essas práticas nos traz muita satisfação”, afirmou Luiz Bernardo. “A água, nosso bem tão precioso, deve ser utilizada com muito cuidado. E estamos fazendo a nossa parte”, afirma Francis Bernardo.

Uso racional e ambientes cheios de charme!

Os projetos estão a cada dia mais reutilizáveis, transportáveis e baratos, devido às formas inteligentes como são pensados. Obras mais rápidas, com menos resíduos e muito charme no acabamento, além dos generosos jardins e seus lagos e piscinas dançantes, que reutilizam água, estão em sintonia com a paisagem verde de Santa Catarina. A gestão eficiente, racional e integrada do recurso hídrico está evidente em diversos projetos. Veja alguns exemplos na galeria acima!

Fonte: Alessandra Cavalheiro

Continua após a publicidade
Publicidade