Qual piso escolher? Conheça as vantagens e desvantagens de cada um!

Selecionamos alguns dos diferentes tipos de pisos mais comuns encontrados nas mostras da CASACOR. Confira as vantagens e desvantagens de cada um:

Por Fernanda Drumond - Atualizado em 17 fev 2020, 16h44 - Publicado em 12 dez 2018, 16h59

A escolha do piso para um projeto sempre gera dúvidas entre quem não é especialista da área. A variedade de tipos, materiais, padrões e acabamentos é vasta e podem confundir. Selecionamos alguns dos diferentes tipos de pisos mais comuns encontrados na CASACOR. Confira as vantagens e desvantagens de cada um.

Porcelanas

Os preferidos dos consumidores para áreas frias! Os porcelanatos possuem alta resistência e uma grande variedade de tamanhos e padrões. Os porcelanatos de grande formato apareceram como novidades no mercado nos últimos anos, enobrecendo seu uso. A versão retificada do material permite que a instalação das peças seja bem próxima, deixando os espaços ainda mais elegantes.

Praça Eliane – CASACOR São Paulo 2016. Porcelanato. Renato Navarro/CASACOR

Cerâmicas

Os revestimentos cerâmicos são muito populares por terem preços acessíveis, serem duráveis e de padrões e cores muito variados. Contudo, não são tão resistentes quanto os porcelanatos, mas possuem bom desempenho para quem procura um material mais barato.

Vista Bar e Lounge – CASACOR Rio de Janeiro 2018. O piso original de cerâmica foi mantido. Jomar Bragança/CASACOR

Pedra Natural

Entre as pedras naturais, há aquelas mais baratas e resistentes, mas que possuem design mais batido, como a ardósia e os elegantes e imponentes mármores. A pedra e suas variações estão entre os revestimentos mais caros do mercado e, apesar da extrema elegância e do design sofisticado, não possuem tanta resistência, são porosos, mancham fácil e são de difícil manutenção. Contudo, é um material nobre, que eleva o valor de um projeto.

Suíte de Hóspedes – CASACOR Paraná 2018. Mármore no banheiro. Eduardo Macarios/CASACOR

Cimento

Para quem procura um visual mais moderno e despojado, o cimento queimado e as placas cimentícias são uma boa opção. Por não conter emendas, o revestimento dá uma aparência de continuidade ao espaço. A instalação deve ser feita por mão de obra especializada, para evitar rachaduras, e a retirada exige obra pesada.

Continua após a publicidade
CASACOR 2016: cimento queimado
Villa Sanmartin – CASACOR Rio Grande do Sul 2016. Cimento Queimado. Divulgação/CASACOR

Pedras Artificiais

As superfícies sintéticas de alta tecnologia são opções para quem procura a elegância das pedras naturais e maior durabilidade, como o mármore. De diversas marcas, esses materiais são compostos por nanopartículas, que garantem alta resistência em padrões diversos e design sofisticado.

Casa Cosmopolita Cosentino – CASACOR São Paulo 2017. Dekton by Cosentino Denilson Machado/CASACOR

Madeira

Os nobres pisos de madeira são ótimos para aquecer ambientes e dar aconchego aos espaços. Contudo, o valor final do material acaba sendo mais caro e a instalação e a manutenção mais complexas.

Casa da Árvore Renault – CASACOR São Paulo 2018. Piso de Madeira. Ricardo Bassetti/CASACOR

Laminado

O piso laminado é uma opção mais barata para quem gosta do acabamento da madeira. O piso laminado é feito a partir de madeira aglomerada e por isso possui um valor mais baixo. A instalação é rápida e simples, porém o revestimento não é muito resistente e não pode ser lavado, sendo ideal apenas para áreas internas e que não necessitem de limpeza pesada.

Galeria Sergio Rodrigues – CASACOR Espírito Santo 2018. Piso laminado. Felipe Araújo/CASACOR

Vinílico

O revestimento vinílico também é uma opção mais barata para quem procura padrões de madeira. Feitos de PVC, é uma opção sustentável e de faço instalação. Alguns tipos de piso também suportam lavagem e podem ser instalados em áreas externas.

Casa Sustentável Leroy Merlin – CASACOR São Paulo 2018 – Piso vinílico Rafael Luvizetto/CASACOR
Continua após a publicidade
Publicidade