Casa de praia: inspire-se nestas decorações do elenco CASACOR!

Madeira, treliça e, claro — muita natureza! Casa de praia é a cara do verão e aqui estão seis cenários paradisíacos para você se inspirar

Por Redação 20 jan 2021, 15h57
juliana pippi casa de praia arquitetura decoração madeira arquiteta profissional piscina casacor
Marco Antonio/CASACOR

Conforme os dias vão ficando mais quentes, maior é a vontade de escapar para uma casa de praia, não é? Criar o cenário perfeito para passar dias tranquilos em um refúgio próximo à natureza é a especialidade do elenco CASACOR. Madeira, palha, treliça e integração com a natureza são as apostas dos seis arquitetos que criaram as casas de praias paradisíacas listadas abaixo. Confira!

Varanda para apreciar o exterior

Situada na costa Esmeralda, em Angra dos Reis, a Casa Azul tem a assinatura de Lia Siqueira. A ideia foi apostar em elementos de transparência e no uso de varandas “para que as paredes quase deixassem de existir”, ela conta. Além disso, a casa de praia ganhou materiais orgânicos, como a madeira nas portas de correr e pedra no piso.

Treliças de madeira para frescor

Roberto Migotto projeta uma casa de praia, em Trancoso, sul da Bahia, com o objetivo de aproveitar tudo que a natureza exuberante da região oferece. Os proprietários desejavam um meio termo entre o rústico e o sofisticado, que fosse aconchegante, fácil de manter e com o máximo de integração. A casa toda foi contornada por treliças de madeira que acompanham o movimento do sol.

O teto também tem um formato especial, chamado na Bahia de “em gamela”, pois acompanha a forma triangular do telhado com acabamento em palha. A palha, um elemento bem regional, está presente também nas pás dos ventiladores especialmente projetados para os ambientes. O resultado foi uma casa de veraneio elegante, mas bem despojada combinando com o clima praiano de sol e mar.

Com cimento queimado

A Casa FVB encontra-se em Trancoso, na Bahia. Com assinatura de Claudia Haguiara, o projeto de casa de veraneio deveria distribuir um extenso programa no terreno estreito e comprido, com muitos limites de recuos, privilegiando a qualidade de vida ao ar livre.

Continua após a publicidade

Inspirada nas construções simples do Quadrado (região central do vilarejo baiano) e na arquitetura colonial, a casa combina piso de cimento queimado com telhado de duas águas revestido de taubilha (telha de madeira) e treliças vermelhas nas janelas. Distribuída em três blocos separados por jardins, a casa tem o clima de vila.

Ambientes clean

Para a casa na praia de Juqueí, no litoral norte paulista, a arquiteta Carolina Rocco teve a missão de alterar a planta do projeto que já estava pronto e criar a decoração. Com a proposta de privilegiar a convivência, a arquiteta criou espaços versáteis e de circulação generosa.

Pergolado de madeira

No condomínio baiano batizado com nome inspirador, Busca Vida, a casa de praia projetada pelo arquiteto David Bastos foi implantada em um cenário paradisíaco. Com 560 metros quadrados, luxo e simplicidade não soam contraditórios. O uso da madeira e a integração dos ambientes trazem aconchego e oferecem uma experiência rara com a natureza.

Uma bela piscina

Madeira de demolição, bambu, linho e algodão fazem de refúgio em Florianópolis um local ideal para relaxar e curtir a natureza. Uma casa de veraneio natural, com total integração à natureza ao redor foi a proposta de Juliana Pippi para a arquitetura de interiores.

O projeto de arquitetura foi criado pelo escritório Ruschel Arquitetura e Urbanismo que dividiu a casa em dois andares, no térreo as áreas sociais, como sala, varanda, home theater, piscina, cozinha e espaço gourmet no primeiro pavimento da área íntima. A paleta de cores se baseia em tons neutros, que junto da madeira de freijó e bambu, conferem tranquilidade aos espaços.

 

Continua após a publicidade
Publicidade