Arthur Guimarães explora o desejo do homem de voar na CASACOR SP 2021

O Lounge Comandante Rolim Amaro foi elaborado em uma paleta de cores mais sóbria para reverenciar as obras de arte que instigam a sensação de movimento

Por Redação Atualizado em 1 nov 2021, 16h10 - Publicado em 4 nov 2021, 10h00
Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Arthur Guimarães – Lounge Comandante Rolim Amaro. Salvador Cordaro/CASACOR

Desde os tempos mais remotos, os seres humanos são nômades por natureza. Após esse longo período enclausurados, ansiamos voltar a ter esse caráter exploratório. Essa ideia fundamenta o Lounge Comandante Rolim Amaro, ambiente de Arthur Guimarães que marca a entrada da CASACOR São Paulo 2021. No projeto, Arthur explora o desejo do homem de voar, que data da mitologia grega e busca retornar à essência através da aviação.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR

Guiado pelo conceito “A Casa Original”, tema da mostra nesse ano, o espaço é um convite ao deleite, à permanência e à interação. Ao adentrar o ambiente, o observador se depara com um ambiente amplo, sem divisões e um pé-direito generoso.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR

À direita, o usuário se depara com um jardim interno desenvolvido a partir de uma curadoria de vasos vietnamitas de diferentes alturas e diâmetros, que abrigam plantas da flora nacional em conjunto com espécies exóticas. Os lavatórios, desenhados pelo arquiteto exclusivamente para o ambiente, são compostos por uma pedra natural com uma coloração vinho vívida e intensa. Torneiras com acionamento sem toque favorecem a utilização adequada nesse momento em que vivemos.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR

A composição de mesas, em suas dimensões variadas, trazem um destaque em meio a um ambiente em que predomina uma paleta de cores mais sóbria. Em um movimento de continuidade, composição cuidadosa de obras de Daniel Müllen se relacionam com as clássicas poltronas Monopod, de Jasper Morrison.

A mesa Dobra, de Rodrigo Ohtake, com uma leveza ímpar contrasta com o sofá em bouclé negro, desenhado por Simone Coste. Ao lado, a mesa de Patrícia Urquiola traz cor e geometria, através de seu grafismo singular.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR

A marcenaria configura os diferentes momentos de uso do espaço e suporta a iluminação linear, que percorre todo o ambiente. Ao lado da generosa estante, a mesa de jantar é apresentada de forma imponente, com composição desenvolvida através de uma curadoria muito detalhada, em que cada item é escolhido à dedo e tem um propósito. Ao lado, a adega climatizada produzida com o mais alto requinte, traz uma seleção primorosa de vinhos tintos e espumantes dignos de celebração.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR
Continua após a publicidade

Caminhando pela sala de estar, o visitante é acometido por diferentes sensações. O díptico de Rafael Kamada, tem um destaque fundamental e se configura como ponto central da composição. Através de suas pinceladas, o artista traz ao observador a percepção da fluidez de movimento e faz uma referência (e reverência) à caligrafia japonesa. Contrastando com o restante do ambiente, o sofá longilíneo de coloração clara e suave recebe de forma confortável. A mesa lateral, desenhada por Oki Sato, traz uma leveza irreverente ao projeto.

Arthur Guimarães - Lounge Comandante Rolim Amaro, projeto da CASACOR São Paulo 2021.
Salvador Cordaro/CASACOR

Já a poltrona Cité, desenhada por Jean Prouvé nos anos 30, faz uma composição harmônica com a mesa de Giorgio Bonaguro. O tapete que delineia a composição, desenhado pelo arquiteto, é produzido de forma sustentável, através de resíduos da indústria fabril. Em destaque na composição formal do espaço, a instalação de tecidos que faz uma referência aos primeiros aviões produzidos, demonstra através de projeções mapeadas em tempo real, o céu que permeia a edificação em que é realizado a mostra.

Serviço CASACOR São Paulo 2021

 

Onde: Parque Mirante, (anexo ao Allianz Parque) – Rua Padre Antônio Tomás, 72

Quando: de 21 de setembro a 15 de novembro de 2021

Horário de funcionamento: segunda* a domingo, das 12h às 22h

* Consulte os dias especiais de abertura às segundas-feiras no site.

Bilheteria digital: https://casacor.byinti.com

Estacionamento no Local – Estapar
R$50 (período de 4 horas)
R$5 (por hora adicional)

Valores dos ingressos:
R$ 80 (Terça a Quinta) – Inteira
R$ 40 (Terça a Quinta) – Meia entrada
R$ 100 (Sexta Sábado, Domingo e Feriados)
R$ 50 (Sexta Sábado, Domingo e Feriados) – Meia entrada

Compra de ingresso de meia-entrada
– Idoso a partir de 60 anos
– Estudante apresentando o documento válido com foto ou recibo de pagamento
– PCD e seu acompanhante (conforme lei 12.933/13)
– Professor da rede pública e privada, apresentando o documento válido com foto
* Comprovação de meia-entrada será exigida na porta

Importante:
– Gratuidade de entrada para crianças com idade comprovada de até 10 anos
– 1 (um) CPF pode comprar no máximo 10 ingressos
– A partir de 5 ingressos, parcelamento em 2 vezes
– Venda Grupo: Compras acima de 10 ingressos ou por CNPJ, envie e-mail para ajuda@byinti.com

Continua após a publicidade

Publicidade