7 ambientes da CASACOR redefinem a paleta de cores do feminino

A nova linha da Pantone propõe uma amplificação no conceito de feminilidade. Selecionamos alguns ambientes que correspondem a essa diversidade, confira!

Por Giovanna Jarandilha Atualizado em 17 fev 2020, 16h37 - Publicado em 20 Maio 2019, 17h50

A concepção do quê se entende por feminino têm sofrido alterações ao longo do tempo – a interpretação precisou de aperfeiçoamento para acompanhar a complexidade de formas e identidades da mulher moderna.

Percebendo a quantidade de combinações diferentes que compõem uma mulher, a Pantone decidiu atualizar sua paleta de cores designada ao feminino, entendendo que os tons de rosa não são mais suficientes para compreender a extensão de personalidades.

A Femininity Redefined é composta por apenas um tom rosado, chamado Mellow Rose, e também por tons pastéis e cores apropriadas para o trabalho.

Inspirados pela nova paleta, e às vésperas da CASACOR São Paulo, selecionamos 7 ambientes das nossas mostras anteriores que foram concebidos em tons semelhantes aos recém lançados. Confira!

MCA Estúdio/CASACOR

Em 2018, Melina Romano assinou na capital paulista o Estúdio Trama, numa combinação de três tons principais de azul, rosa e amarelo, que se aproxima do tom Custard, da Pantone.  Objetos bem pessoais, como fotos, sapatos ou uma xícara antiga, ganham um significado maior, representando histórias e sentimentos que se materializam.

MCA Estúdio/CASACOR

Juliana Pippi apostou no rosado semelhante ao Mellow Rose para compor o espaço TOKI, Um mergulho no meu tempo, na CASACOR São Paulo de 2018. Os tons de rosé trazem um clima aconchegante, enquanto o azul ressalta a volumetria do sofá.

Continua após a publicidade

Idealizado para a mulher madura ter um momento particular e ficar totalmente off da correria do dia a dia, o Studio Off foi apresentado em Goiás neste ano. Mariana Mendonça deixou o destaque da decoração para o coral amarronzado como o Mocha Mousse, enquanto no resto da paleta de cores prezou pelo clean, puxado para o cinza.

Salvador Cordaro/CASACOR

O sofá também é destaque no Estúdio Tempo de Bruno Carvalho para a São Paulo em 2017. A suavidade do sofá azul, que lembra a cor Skyway, convida a um bate-papo e os detalhes metalizados sugerem sofisticação.

Salvador Cordaro/CASACOR

Lucy Amicón e Vanessa Ireno pensaram neste Quarto da Menina em tons suaves, como é o Sea Fog. O toque moderno fica a cargo dos geometrismos nas paredes e na marcenaria, desenhada para ser funcional.

A Sala Íntima de Paula Neder  preza pelos tons claros e pelo conforto no sofá modular e nas poltronas revestidas de pele macias e acolhedoras. O off-white Pastel Parchment aparece não só no revestimento dos móveis, mas também no tom da parede e das cortinas.

André Nazareth/CASACOR

O Rio de Janeiro foi colorido em laranja na CASACOR 2018 com o Living da Casa Viva de Ana Lúcia Jucá. Os tons terrosos aquecem o cinza predominante, deixando o ambiente divertido e personalizado.

Continua após a publicidade
Publicidade